top of page
  • by Brunelson

Eddie Vedder: a música solo que Bruce Springsteen chamou de "fabulosa e incrível abertura de álbum"


O respeito pela habilidade entre o vocalista do PEARL JAM, Eddie Vedder, e Bruce Springsteen, é impossível de quantificar.


Embora ambos os artistas venham de épocas diferentes, seus caminhos se cruzaram há muitos anos e a dupla de compositores construiu um relacionamento próximo baseado na admiração mútua.

Ao longo do tempo, a dupla se apresentou várias vezes juntos ou com Vedder fazendo homenagem, com a sua amizade começando durante a turnê "Vote For Change" em 2004 para a eleição presidencial da época.




Desde então, PEARL JAM e Bruce Springsteen continuaram em contato e quando Vedder decidiu também seguir em carreira solo em 2007, ele chamou o seu amigo para um conselho.

Em 2020, Vedder havia sido entrevistado pelo podcast Daddy Issues e falou dessa conversa que teve com Bruce Springsteen: “Eu disse a ele: 'Vou começar estes shows solo amanhã', foi quando ele me disse que existe um poder real quando há apenas uma pessoa lá em cima no palco. É aterrorizante, cara... Até para o público é aterrorizante, sabe? Bruce havia me dito que uma apresentação solo precisa ser um ato certeiro, pois há uma intimidade e poder envolvido. Essa foi uma das melhores coisas que eu poderia ouvir, porque de repente, eu não me sentia mais tão vulnerável".

Desde que aceitou as palavras de Springsteen, Vedder construiu uma carreira solo de sucesso e já lançou 01 EP e 04 álbuns de estúdio (seja solo ou em colaboração com outros artistas), e para promover a sua oferta mais recente, "Earthling" (3º disco, 2022), Vedder novamente conversou com um dos seus mentores para uma conversa esclarecedora, sendo que havia uma letra de uma música em particular que Bruce Springsteen queria examinar de perto.

Falando sobre a canção que abre esse disco, "Invincible", Springsteen havia dito numa entrevista: “Fabulosa a forma como começa esse álbum. Incrível abertura de um disco e com o grande dístico: 'Somos invencíveis quando amamos'. Por mais simples que pareçam, estas são as linhas pelas quais você realmente desembolsa para comprar o álbum... É tão bonito o início desse disco”.

Em resposta às palavras gentis de Springsteen, Vedder revelou em outra entrevista que a música "Invincible" foi: "De todas as canções que foram lançadas no disco, essa foi a primeira peça musical que havia criado e a última música que coloquei as letras nela. Quase a esquecemos, pois era somente uma música instrumental que eu tinha deixado de lado. Havia cerca de 03 canções que queríamos ainda consertar alguma coisa ali e aqui para depois termina-las de vez, foi quando me lembrei dela. Comecei a elaborá-la à noite dentro do estúdio e então cantei a música 'Invincible', mas o produtor do álbum, Andrew Watt, me disse que precisávamos de algo a mais no meio da canção, foi quando criei essa frase que Bruce Springsteen citou".

O processo de composição da música "Invincible" mostra mais uma vez que uma certa canção nem sempre precisa ser criada e focada desde a sua nascença para se tornar uma determinada coisa, ocasionalmente deixando o rio correr naturalmente e em seu devido tempo debaixo da ponte para se tornar uma música linda e de grandes elogios por um dos ídolos de Eddie Vedder.








"Invincible"



























Comments


Mais Recentes
Destaques
bottom of page