• by Brunelson

Grunge: Top 50 melhores álbuns pela Revista Rolling Stone - nº 22


Fonte: Revista Rolling Stone


22) Disco: "Deep Six" (coletânea de 1986 com as bandas GREEN RIVER, MALFUNKSHUN, MELVINS, SKIN YARD, SOUNDGARDEN e THE U-MEN)


Folheie as páginas da turma de calouros do anuário do grunge de Seattle - também conhecido como o livreto que acompanhou a coletânea "Deep Six" de 1986 - e você verá fotos verídicas de Buzz Osborne (vocalista/guitarrista do MELVINS) revirando os olhos enquanto finca uma picareta na sua guitarra.


Chris Cornell (vocalista/guitarrista do SOUNDGARDEN) sem camisa, canalizando Iggy Pop.


E Andy Wood (vocalista do MALFUNKSHUN), "assaltando" a cena no melhor estilo da banda NEW YORK DOLLS.


Esta coletânea obrigatória do grunge é um documento inestimável de onde tudo começou. O disco - que não foi lançado pela Sup Pop - saiu pelo selo C/Z de Seattle, reunindo as bandas seminais da cidade esmeralda e pioneiros do que viria a se tornar "grunge" anos depois, com o SOUNDGARDEN, MELVINS, GREEN RIVER, SKIN YARD, THE U-MEN e MALFUNKSHUN.


Só lembrando o que todos já sabem, que do GREEN RIVER iria se ramificar o MUDHONEY e MOTHER LOVE BONE (depois no PEARL JAM). A banda SKIN YARD que era do guitarrista Jack Endino (que seria o produtor de muita dessas bandas nos seus primeiros dias). E o MALFUNKSHUN que era o grupo primário de Andy Wood, antes do MOTHER LOVE BONE.


As gravações são cruas e pesadas, com destaques para a música “All Your Lies” do SOUNDGARDEN, a furiosa canção “Blessing The Operation” do MELVINS e a música “10.000 Things” do GREEN RIVER - mas a vitalidade orgânica do álbum também é parte do seu charme.


Este é basicamente um ultra-som do grunge ainda no útero.


Quando o MELVINS prestou homenagem a Chris Cornell naquele evento tributo em janeiro de 2019, eles incluíram na apresentação uma das canções que o MALFUNKSHUN havia gravado para a coletânea "Deep Six", que foi a música "With Yo' Heart”, o que foi ostensivamente um aceno à influência de Wood sobre Cornell e a cena como um todo.


"A coletânea 'Deep Six' foi realmente importante para nós", disse recentemente o baterista do GREEN RIVER, Alex Shumway, para a revista Rolling Stone. “Foi a primeira vez que fomos num estúdio de verdade, sabe? Tinha aquela sensação alucinante e era como se todas as bandas que estavam gravando para o disco se tornassem famosas ou coisa do tipo..."

"With Yo' Heart" (MALFUNKSHUN)

Confira também:


50) MOTHER LOVE BONE, "Apple" (1º álbum, 1990)


49) TOADIES, "Rubberneck" (1º álbum, 1994)


48) FECAL MATTER, "Illiteracy Will Prevail" (fita demo, 1986)


47) THE U-MEN, "Step on a Bug" (1º álbum, 1988)


46) VERUCA SALT, "American Thighs" (1º álbum, 1994)


45) THE STOOGES, "Fun House" (2º álbum, 1970)


44) SKIN YARD, "Hallowed Ground" (2º álbum, 1988)


43) BLACK FLAG, "My War" (2º álbum, 1984)

42) ALICE IN CHAINS, "Jar of Flies" (4º trabalho de estúdio, 1994)


41) SOUNDGARDEN, "Screaming Life" (1º EP, 1987)


40) MUDHONEY, "Every Good Boy Deserves Fudge" (2º álbum, 1991)


39) THE GITS, "Enter The Conquering Chicken" (2º álbum, 1994)


38) THE FLUID, "Purplemetalflakemusic" (4º álbum, 1993)


37) L7, "Smell The Magic" (2º álbum, 1990)


36) NEIL YOUNG & CRAZY HORSE, "Ragged Glory" (18º álbum, 1990)


35) PAW, "Dragline" (1º álbum, 1993)


34) 7 YEAR BITCH, "Viva Zapata" (2º álbum, 1994)


33) BABES IN TOYLAND, "Fontanelle" (2º álbum, 1992)


32) SMASHING PUMPKINS, "Gish" (1º álbum, 1991)


31) TAD, "8-Way Santa" (2º álbum, 1991)


30) WIPERS, "Youth of America" (2º álbum, 1981)


29) GREEN RIVER, "Come on Down" (1º EP, 1985)


28) SOUNDGARDEN, "Louder Than Love" (2º álbum, 1989)


27) BABES IN TOYLAND, "Spanking Machine" (1º álbum, 1990)


26) SMASHING PUMPKINS, "Mellon Collie and The Infinite Sadness" (3º álbum, 1995)


25) MELVINS, "Bullhead" (3º álbum, 1991)


24) STONE TEMPLE PILOTS, "Purple" (2º álbum, 1994)


23) SOUNDGARDEN, "Ultramega OK" (1º álbum, 1988)

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques

2016 by RockInTheHead