top of page
  • by Brunelson

Grunge: Top 50 melhores álbuns pela Revista Rolling Stone - nº 11



11) Banda: STONE TEMPLE PILOTS

Disco: "Core" (1º álbum, 1992)


"Isso é o PEARL JAM?", perguntou o personagem de desenho animado, Beavis, ao seu amigo Butt-Head, quando o videoclipe da música "Plush" do STONE TEMPLE PILOTS apareceu na MTV. "Sim", disse o seu amigo, “Eddie Vedder pintou o cabelo de vermelho”.

A reação da maioria das pessoas ao surgimento do STONE TEMPLE PILOTS em 1992 não chegou a esse nível de estupidez (a mídia sim), mas também houve muita insinuação de que o grupo de San Diego, California, estava aproveitando a onda e pulou no vagão do grunge.

Só que para essas pessoas, o que eles perderam foi quantas músicas matadoras a banda criou em seu álbum de estreia, "Core", que fundiu o som dos anos 70 com a cena moderna do rock alternativo.

O que emergiu em canções como “Creep”, “Wicked Garden” e “Sex Type Thing”, era um estilo completamente deles, mesmo que a música “Plush” soasse um pouco como uma sobra de estúdio do álbum "Ten" do PEARL JAM (1º disco, 1991).

"Eu não acho que haja semelhanças em nossas bandas", o saudoso vocalista Scott Weiland havia dito em entrevista para a revista Rolling Stone em 1994. "Não estou desmerecendo o PEARL JAM, mas pra mim eles são como a banda BUFFALO SPRINGFIELD moderna ou algo assim, como uma banda de rock clássico... Novamente, não quero dizer isso num sentido depreciativo, apenas que nós estamos numa viagem totalmente diferente”.


"Plush"


Confira também:








































Comentários


Mais Recentes
Destaques
bottom of page