top of page
  • by Brunelson

Creedence: a música que fala sobre OVNI e a política que envolve


CREEDENCE se separou há mais de meio século depois de desfrutar o seu pico de sucesso, e desde então, a sua popularidade continuou em um estado de constante crescimento e renascimento na cultura popular, já que o grupo mantém um senso espiritual dos anos 60 em sua sonoridade e tudo o que isso implica no inconsciente.

Do fim tempestuoso que levou a uma rivalidade de longa data à vitalidade visceral de suas músicas, eles são um emblema do zeitgeist americano da década de 60 e isso continua sendo uma força emocionante de se ver e ouvir.


“CREEDENCE foi progressivo e anacrônico ao mesmo tempo”, disse Bruce Springsteen quando fez o discurso de introdução do CREEDENCE no Rock and Rock Hall of Fame em 1993. “Um retorno sem remorso à era de ouro do rock ‘n’ roll, onde eles quebraram fileiras junto com os seus contemporâneos na cena progressiva e psicodélica de San Francisco. A abordagem deles era básica e intransigente, mantendo-se fiel às origens da classe trabalhadora dos membros da banda”.

Springsteen concluiu: “Estou aqui essa noite ainda com inveja do poder da música deles e de sua simplicidade”.

CREEDENCE também tinha um ótimo senso de humor que eles distribuíram em suas canções e uma delas aparentemente une todos os seus elementos de forma perfeita, "It Came Out of The Sky", lançada no 4º álbum de estúdio em 1969, "Willy and The Poor Boys" (foto).


Aproveitando a mania dos OVNIs que veio junto com a corrida espacial e a Guerra Fria, a música do vocalista/guitarrista, John Fogerty, não apenas identifica uma tendência, mas também satiriza os tempos de sua época de uma maneira emocionante e engraçada.

As letras dessa música falam de um OVNI que cai do céu em uma fazenda, "um pouco ao sul de Moline". É o suficiente para assustar um pobre fazendeiro chamado Jody, que dá o alarme e é assediado por uma enxurrada de opiniões.

De repente, um discurso é feito na cidade sobre como eles terão que aumentar o “imposto de Marte”. Enquanto isso, o Vaticano se envolve, Hollywood imediatamente começa a trabalhar em roteiros para filmes e personagens dizem que "foi uma conspiração comunista”. E então, tudo termina em uma briga sobre quem é o dono da coisa.

Pode ser cômico, mas é uma das músicas mais prescientes dos anos 60 e de alguma forma muito atual aos dias cibernéticos deste século.





"It Came Out of The Sky"


Mais Recentes
Destaques
bottom of page