• by Brunelson

Dave Grohl: "quero fazer isso para o resto da minha vida"


Dave Grohl foi recentemente entrevistado pela revista Variety.


Seguem alguns trechos.


Sobre o seu 1º show: “Eu tinha 13 anos e fui assistir uma banda de punk rock no clube Cubby Bear, em frente ao estádio de baseball em Chicago, Wrigley Field. Havia cuspe, sangue, garrafas quebradas e foi nojento, mas lembro de ter pensado: 'Quero fazer isso para o resto da minha vida!'".


Ao abandonar a escola: “Eu saí da escola que a minha mãe era professora para tocar música. Eu nunca imaginei por um segundo que isso aconteceria. Se isso não tivesse acontecido, eu sinceramente estaria fazendo alguma coisa no rock de qualquer maneira, porque o amor pela música começou quando eu tinha uns 06 ou 07 anos”.


Sobre tecnologia: "Muitas das mudanças tecnológicas sobre música eu não entendo. Eu não sei a diferença entre Pandora e Spotify, sério, não entendo... Eu não tenho o aplicativo. Desculpa".


No rock como dia de trabalho: "Só não funciona se você não quiser fazer. Eu nunca digo para mim mesmo: 'Eu não quero subir no palco, beber whisky e ter 30 mil pessoas cantando as minhas músicas'. É muito legal, cara!"


Sobre a primeira reunião do NIRVANA com o executivo de discos, Donnie Ienner: "Don havia dito: 'O que você quer?', e Kurt respondeu: 'Queremos ser a maior banda do mundo'. Achei que ele estava brincando, mas Kurt estava falando sério".


Em contra partida, Cobain havia dito em várias entrevistas que ele não se importava com a fama e sucesso. Uma vez, Kurt falou: "Eu sou muito teimoso para me permitir comprometer nossa música ou nos transformar em grandes estrelas do rock. Eu simplesmente não me sinto assim".

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques

2016 by RockInTheHead