Smashing Pumpkins: virão canções inéditas do álbum "Machina The Machines of God"?

November 15, 2018

Billy Corgan começou a trabalhar no relançamento do 5º álbum de estúdio do SMASHING PUMPKINS, "Machina The Machines of God" (2000), e revelou em rede social que havia 100 idéias de músicas das sessões e que ele está considerando gravar novas versões de 4 músicas - nunca antes ouvidas, com James Iha (guitarrista) e Jimmy Chamberlin (baterista). 

 

Ele também disse que o plano é "terminar" o álbum para ter uma versão de como o disco originalmente foi previsto em 2000, que depois foi dividido em 02 álbuns (o segundo foi lançado só pela internet, que foram as músicas que ficaram de fora do disco original).

 

O frontman da banda também respondeu algumas perguntas dos fãs.

 

 

Pergunta: Você consideraria uma parte 03 de Machina com a formação atual?

 

Billy: Até agora, eu encontrei 04 músicas que nunca foram finalizadas e acho que seria legal gravar novas versões com James e Jimmy.

 

 

Pergunta: Haverá singles de lançamento com a reedição?

 

Billy: Eu pude ver um cenário em que, se gravarmos novas versões de músicas inacabadas, uma poderia ser lançada como single.

 

 

Pergunta: A listagem das músicas mudará com o relançamento?

 

Billy: O plano é "terminar" o álbum como um trabalho conceitual e apropriadamente em sequência.

 

 

“Uma tarde de trabalho por volta de 1999, gravando o disco 'Machina The Machines of God'. No decorrer das sessões, entre alguns ensaios, demos falsos inícios e músicas que estávamos rascunhando... Chegamos a tocar de 60 a 70 músicas, mas isso não cobre as ideias de riff ou brincadeiras, chegando no total de umas 100 músicas".

 

“Com o benefício do retrospecto, notei uma clara violação em nossa sonoridade das músicas feitas antes de 1999 e depois. Antes, as músicas e gravações eram mais convencionais e lineares, com o intuito de desmontar a canção já pronta, em busca de algo desconhecido não explícito na figura central do som... Trabalhávamos nas canções em forma de desintegração auditiva". 

 

"Mas para o álbum 'Machina The Machines of God', admito que fui o principal impulsionador deste novo exercício, mais deixando a música sofrer as suas primeiras encarnações e deixa-la por si só. Em contraste, as nossas abordagens musicais tornaram-se gritantes durante a turnê, assim como as músicas compostas a partir de então. O próprio disco não estava realmente nascendo até que nós fizemos aquela turnê... Havíamos desmoronado em excesso e nos reagrupamos em torno da busca por um funeral apropriado, que nunca veio realmente".

 

Confira o áudio de estúdio da canção "I of The Mourning", lançada no disco "Machina The Machines of God":

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes

John Frusciante: "abordagem somente em solos de guitarra é um beco sem saída"

December 10, 2019

1/5
Please reload

Destaques
Please reload

2016 by RockInTheHead