Nirvana: quais foram as “inéditas” músicas gravadas em Janeiro/1994?

December 29, 2017

 

Quando Krist Novoselic (ex-baixista do NIRVANA) subiu ao palco recentemente na cidade de Eugene/Oregon, para tocar o baixo na canção “Big Me” junto com o FOO FIGHTERS – em turnê pelos EUA divulgando o seu novo álbum de estúdio, “Concrete and Gold” (9º disco, 2017) - Dave Grohl se abriu para a plateia e falou sobre a sessão final de gravação do NIRVANA em Janeiro/1994.

 

Embora já seja de conhecimento público que Grohl e Novoselic gravaram várias demos e idéias para músicas - antes de Kurt Cobain aparecer no estúdio para gravar a então inédita canção "You Know You’re Right" - Grohl revelou que já tinha a idéia para a clássica música do FOO FIGHTERS, “Big Me”, durante esta sessão.

 

Grohl falou para a platéia neste show: "Voltando para aquele dia, eu tinha essa canção que pensei que poderia soar legal. Estávamos no estúdio do nosso amigo Barrett..., não, não estávamos. Estávamos no estúdio de Robert Lang e não tínhamos nada para fazer o dia inteiro, porque Kurt não apareceu nos 02 primeiros dias dos 03 que reservamos. Então, eu falei para Krist: ‘Eu tenho uma idéia para te mostrar”, e gravamos juntos esta canção e que acabou sendo lançada no 1º álbum de estúdio do FOO FIGHTERS em 1995 (e que leva o mesmo nome da banda). Esta música se chama "Big Me".

 

Voltando para 2004 numa matéria feita pela revista Mojo, foram levantados exatamente quais as canções gravadas por Grohl e Novoselic naquela sessão de gravação. Confira só:

 

“Dave w/Echoplex”: Esta música tem a participação de Grohl e Bailey (engenheiro de som). A canção resultou de uma idéia provocada quando Bailey conectou um Teremim (instrumento musical 100% eletrônico, controlado sem qualquer contato físico pelo músico) em uma máquina de fita Echoplex, para emitir uma sonoridade “arranhada”. Bailey se recorda: “Dave realmente gostou e pulou atrás da bateria para começar a acompanhar. Uma parte de tocar com o Echoplex envolveu abruptamente uma mudança de tempo no eco que emitia e que foi uma coisa difícil de acompanhar. Nós não tivemos um bom tempo para elaborar um conceito sobre a canção e as melhores coisas devem ter acontecido antes de apertamos o botão de gravação”.

 

 

“New Wave Groove”: 03 tomadas foram gravadas desta música que possui somente guitarra, baixo e bateria. As 02 primeiras foram executadas por cerca de 07 minutos e uma versão mais curta também foi gravada. O dono do estúdio, Robert Lang, falou: “Tiramos uma linha direta do baixo de Krist e provavelmente a gravamos dentro de um gabinete para obter esta sonoridade meio funk”.

 

 

“New Beat / In Cars”: Esta canção apresenta uma levada “new wave” semelhante a música citada acima. Ela apresenta o mesmo riff em sua totalidade e 02 versões foram gravadas: uma com o baixo tocando a melodia e a outra versão com a guitarra.

 

 

“Krist w/Acoustic”: Esta canção apresenta Novoselic no violão e foi descrito por Bailey como tendo um pouco do riff de assinatura do cantor e guitarrista blues, BO DIDDLEY. Grohl acompanha na bateria e Robert Lang se recorda: “Me lembro de ter pensado qual o tipo de vocal eles vão colocar nessa música?”

 

 

“February Stars”: Esta versão inicial foi intitulada como “Dave/Acoustic + Voc.” e possui letras alternadas e os sons de um gatinho em seu começo – era um gato de rua que havia entrado no estúdio enquanto eles estavam gravando. Novoselic está tocando num harmônio (similar ao órgão, mas sem os tubos). Conforme Bailey relatou: “O harmônio que Novoselic está tocando realmente fez a música e foi uma das minhas canções preferidas de toda esta sessão de gravação”. Esta música foi lançada posteriormente no 2º álbum de estúdio do FOO FIGHTERS, “The Colour and The Shape” (1997).

 

 

“Exhausted”: A canção foi gravada completa e praticamente idêntica à versão que foi lançada no 1º álbum do FOO FIGHTERS.

 

 

“Big Me”: Esta música também foi gravada completa e praticamente idêntica à versão que foi lançada no 1º álbum do FOO FIGHTERS.

 

 

“Butterflies”: Afirmava-se que esta canção era uma composição de Cobain, porém, ela foi gravada sem os vocais e não havia sido finalizada. No entanto, Cobain havia deixado o estúdio no momento em que ela foi gravada e Grohl chegou a tocá-la ao vivo (completa e com os vocais) poucas vezes quando o FOO FIGHTERS estava em turnê promovendo o seu 1º disco, mas ela não entrou em nenhum álbum do FOO FIGHTERS.

 

 

“French Abortion”: Esta foi uma das músicas compostas por Novoselic. Ela foi gravada em 02 tomadas, mas nenhuma delas apresenta os vocais. Uma tomada leva quase 09 minutos, enquanto a outra é mais curta e apresenta novamente um harmônio com um bandolim.

 

 

“Skid Mark”: Esta canção de 01 minuto e meio é apenas uma piada pop. De acordo com Charles Cross (biógrafo oficial de Kurt), esta também seria uma composição de Cobain, mas novamente Kurt havia deixado o estúdio quando ela foi gravada. De acordo com o jornalista da revista Mojo, é descrita como um estranho tributo instrumental funerário para cuecas manchadas.

 

 

“Thrash Tune”: Aqui é apenas uma breve explosão de barulho.

 

 

Confira o vídeo clipe da música "Big Me":

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes

Soundgarden: viúva de Cornell processa a banda; revelado os nomes das canções inéditas

December 11, 2019

1/5
Please reload

Destaques
Please reload

2016 by RockInTheHead