top of page
  • by Brunelson

Thurston Moore: "Minor Threat foi a melhor banda de hardcore que já existiu"


Pouco antes de Thurston Moore (vocalista/guitarrista) fundar o SONIC YOUTH ao lado de Kim Gordon (vocalista/baixista), ele passou o início dos anos 80 tocando punk hardcore em uma banda chamada EVEN WORSE.


Embora Moore tenha se encontrado no meio da cena "no wave" de New York no decorrer da década, eventualmente levando a sons experimentais alternativos de guitarra do SONIC YOUTH em sua caminhada, ele teve um interesse precoce no som e na cultura no berço do hardcore dos EUA e que vinha da capital Washington.

Moore foi particularmente influenciado pela música e mensagem do MINOR THREAT, uma banda punk hardcore liderada pelo vocalista Ian MacKaye (que depois iria formar o FUGAZI).


Embora o grupo tenha durado apenas 03 anos (1980 a 1983) e tendo lançado 03 EP's e 01 álbum de estúdio, a sua influência na subcultura underground foi enorme. Promovendo um estilo de vida punk de ponta e moldando o som hardcore da capital, eles foram anunciados como uma das bandas mais influentes da cena.

Em entrevista para a revista Rolling Stone, uma vez Moore revelou como o MINOR THREAT o influenciou desde o início. Ele se lembra de ter gostado muito do hardcore vindo de Washington da década de 80: “A cena hardcore da capital foi a primeira vez onde vi uma geração de pessoas entrar na música e que eram mais jovens do que eu. Quando eu estava em New York, eu era o jovem de 18 anos de idade em meio a todos esses caras de 20 e poucos anos. Eu sempre fui o cara jovem, mas então, de repente, havia uma nova geração mais jovem do que eu e eram esses garotos do hardcore”.

Moore ficou particularmente impressionado com o movimento que o MINOR THREAT gerou na cena hardcore. A sua música, "Straight Edge", foi uma grande influência na formação da subcultura straight edge, que recebeu o nome por causa desta canção. Compreendia grupos de fãs punk hardcore que se abstinham do uso de álcool e drogas, trabalhando contra a indulgência tradicional das cenas punk.

Ele sugeriu que o MINOR THREAT era: "Tudo sobre responsabilidade para com a sua própria cena de jovens e não sair por aí e ser um cara estúpido. Foi a melhor banda de hardcore que já existiu", antes de observar particularmente o seu amor pela música "In My Eyes", que ele chamou de "a canção hardcore mais progressiva até aquele momento em 1981".

A música encapsula a retórica antidrogas do MINOR THREAT combinando hardcore com trechos cada vez mais rápidos e letras raivosas proclamando: “Você me diz que gosta do sabor / Você só precisa de uma desculpa / Você me diz que acalma os seus nervos / Você só acha que parece legal", onde a música evolui para o refrão repetido de "It's in my eyes", pontuado pelos vocais agitados de MacKaye.

Moore diz que a letra dessa música leva a “desafiar uma cultura jovem que acredita nas mentiras da sociedade capitalista contra a qual eles estão enfrentando”. Admirando o desdém da canção pelo uso de drogas e a cultura circundante, ele sugere que a importância do MINOR THREAT veio de sua oferta de "uma alternativa à cultura jovem punk rock".

Ele concluiu: “Também há uma certa raiva na entrega vocal que é inegável de Ian MacKaye. Ele está cantando a música por causa de sua paixão por sua cultura, sabe? Quando eles tocavam ao vivo essa música em New York quando faziam shows naquela época, era inacreditável”.

Em 2008, Moore até emprestou o seu amor e conhecimento desta cena hardcore dos anos 80 ao National Geographic Channel, narrando o documentário sobre a subcultura da época, "Inside: Straight Edge".


Moore nunca realmente deixou as suas raízes hardcore para trás, em vez disso, incorporou-as em seu estilo distinto de guitarra, combinando-as com influências artísticas e experimentais que ficaram registradas na discografia do SONIC YOUTH.


"In My Eyes"


"Straight Edge"










Comments


Mais Recentes
Destaques
bottom of page