top of page
  • by Brunelson

Melvins: "os fãs casuais do Nirvana e do Soundgarden não entendem por que eles gostavam de nós"


Buzz Osborne, vocalista/guitarrista do MELVINS, refletiu sobre quantos fãs do NIRVANA e do SOUNDGARDEN não conseguem entender o fascínio dessas bandas pelo MELVINS, argumentando que isso se deve à falta de compreensão de algumas pessoas e da crença grunge em geral.

Para uma banda que é frequentemente citada como um dos grupos grunge seminais que ajudou a dar início a essa empolgante nova onda musical no final dos anos 80 e início dos anos 90 em Seattle, o MELVINS definitivamente não desfruta do sucesso que talvez mereciam ter. Elementos daquela lama pesada que foi inspirada no rock dos anos 70, a influência do MELVINS com certeza respingou na maioria das grandes obras do grunge e também é sabido que o próprio Buzz Osborne provou ser uma espécie de padrinho musical para Kurt Cobain.

Seja por simples falta de sorte ou porque a propensão de Osborne para lapidar diamantes brutos provou ser um gosto peculiar demais, muitos fãs casuais do NIRVANA estão apenas vagamente cientes do MELVINS - na melhor das hipóteses.


Durante uma entrevista recente ao site Revolver, o frontman do MELVINS refletiu sobre a possível razão para esse estado da coisas, dizendo: “Com o NIRVANA, milhões e milhões de pessoas gostaram de suas coisas, mas milhões dessas pessoas não vão gostar das nossas coisas. Eles não conseguem entender por que o NIRVANA gostou de nós, o que mostra que eles não entendem o que pessoas dessas bandas pensam em 1º lugar".

"O mesmo acontece com os fãs casuais do SOUNDGARDEN. Muitos fãs deles não conseguem entender por que eles gostavam de uma banda como a nossa e novamente, é porque esses fãs não conseguem entender o que eles (da banda) pensavam. O pessoal do SOUNDGARDEN gosta de nós, mas os fãs casuais não acreditam nisso. Eles não conseguem enxergar o por quê, apenas porque eles não entendem".

"Não há nada que eu possa fazer sobre isso, porque é assim que as coisas são. Eu não me importo com isso e fico de boa. Milhões de pessoas não vão gostar das nossas coisas, mas muitas irão e sou muito grato pelo o que eu tenho".

Osborne finalizou: “A música underground mudou a atitude do NIRVANA para o que era possível, mas eu via na música que algo estava faltando, que era o 'perigo' até certo ponto, onde pensei: 'Isso é o que eu vejo que está em falta e quero fazer na música'".






Comments


Mais Recentes
Destaques
bottom of page