top of page
  • by Brunelson

Matt Cameron: "Nirvana e Pearl Jam rejeitaram a oferta de abrir os shows do Guns N' Roses"


Todos nós sabemos como Kurt Cobain e o NIRVANA eram contra a ética e o som que vieram junto com o GUNS N' ROSES. Kurt era muito anti-Axl Rose (a antítese de pessoa e conduta que não queria ser na vida).

PEARL JAM também enxergou que seria uma mistura estranha para eles...

Matt Cameron (baterista do SOUNDGARDEN e do PEARL JAM) falou recentemente para a revista Spin sobre essa questão envolvida, dizendo que o NIRVANA não aceitou a proposta de abrir os shows do GUNS N' ROSES (além de não terem aceitado o convite de tocar na festa de aniversário de Axl Rose, de Kurt Cobain ter sumido do camarim da vez que Axl Rose queria conhecê-lo e da fatídica briga/discussão entre as 02 bandas na cerimônia do MTV VMA em 1992).




Então, a proposta para abrir os shows do GUNS N' ROSES foi oferecida ao PEARL JAM, que também recusou, para que finalmente chegasse ao SOUNDGARDEN - o qual aceitaram a proposta.



Matt Cameron falou sobre este assunto: “Tivemos 04 semanas de folga em 02 anos de turnê, ou algo parecido. Foi durante esse período e nós estávamos prontos para aquilo e realmente queríamos estar lá para abrir os shows do GUNS N' ROSES. Tivemos esta oportunidade e foi realmente ótimo".



Cameron continuou: "Naquela época em 1992, não éramos tão preciosos para abrir os shows do GUNS N' ROSES como era o NIRVANA e o PEARL JAM".

"NIRVANA não queria abrir os shows para o GUNS N' ROSES e nós sabíamos na época que a oferta havia sido feita primeiro para eles e só depois que vieram nos convidar. Acho que eles perguntaram ao PEARL JAM também e essas 02 bandas disseram 'não'".

"Quando nos fizeram o convite, nós falamos entre nós: 'Cara, o nosso álbum é ótimo (3º disco, "Badmotorfinger", 1991) e realmente amamos o nosso álbum e queremos apenas ir lá para fazer alguns shows e divulgá-lo'".

"Sim, abrir os shows do GUNS N' ROSES foi meio estranho porque definitivamente não era o nosso público, mas nos dias de folga, aproveitávamos e fazíamos os nossos próprios shows, sabe? Faríamos um show em um clube aqui e ali, coisas assim".

"Foi divertido ver como o nosso público estava crescendo desde 1991”.



Comments


Mais Recentes
Destaques
bottom of page