top of page
  • by Brunelson

John Frusciante: "gosto da maneira como Kurt Cobain tocava sem se preocupar com a técnica"


O falecido frontman do NIRVANA, Kurt Cobain, certamente fez uma grande influência no RED HOT CHILI PEPPERS, seja em forma de um relacionamento amigável entre os integrantes de banda saindo juntos em turnê, ou como inspiração para compor uma música em homenagem ao icônico vocalista/guitarrista do NIRVANA.






Desde o retorno do guitarrista John Frusciante ao RED HOT CHILI PEPPERS em 2019, a banda voltou a trabalhar com o lendário produtor Rick Rubin e produziu bastante material desde então, resultando em 02 álbuns de estúdio lançados em 2022.

O álbum “Unlimited Love” (12º disco) viu a luz do dia em abril, recebendo elogios da crítica, mas produzindo uma resposta polarizadora da base de fãs do grupo, que esperava um trabalho de guitarra mais chamativo de Frusciante, onde aqui ele principalmente se senta num banquinho e contribui para texturas mais suaves que dominam o disco.

Agora, a banda lançou o álbum “Return of The Dream Canteen” (13º disco), com músicas escritas nas mesmas sessões do álbum anterior.

A canção funk rock, “Tippa My Tongue”, foi lançada como o 1º single, mas a atenção foi rapidamente atraída para outra música chamada “Eddie”, uma homenagem tocante ao falecido guitarrista do VAN HALEN, onde Frusciante foi "autorizado" a se soltar na guitarra.

Em uma nova entrevista para a revista Guitar World, Frusciante revelou as inspirações por trás do seu trabalho na guitarra na canção "Eddie":

“Eu realmente amo guitarristas como Randy Rhoads e Eddie Van Halen pela maneira que eles podem fazer o instrumento explodir através de técnicas de mão e com os pedais de efeito, mas também gosto muito da maneira como pessoas como Greg Ginn (BLACK FLAG) ou Kurt Cobain tocam guitarra sem se preocupar tanto com a técnica, embora existam todos os tipos de técnicas não convencionais, porque o foco é definitivamente querer tocar de uma forma mais virtuosa”.


Frusciante finalizou: “Quando estávamos gravando a música 'Eddie', o meu conceito era encontrar uma ponte entre essas duas concepções do instrumento. Aquela ideia de fazê-la explodir com a eletricidade da energia humana que vem pelas cordas da guitarra”.

"Eddie"


Kommentare


Mais Recentes
Destaques
bottom of page