Smashing Pumpkins: Billy Corgan revela recente encontro com Eddie Vedder

October 20, 2017

 

Depois de criticar o PEARL JAM alguns anos atrás, parece que o vocalista/guitarrista do SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, está agora em paz com o vocalista do PEARL JAM, Eddie Vedder.

 

Em uma nova entrevista para o site Deleware Online, foi revelado que 02 dos últimos vocalistas sobreviventes da era grunge se encontraram num recente show de ROGER WATERS.

 

O jornalista perguntou: "Uma das coisas que me fez ser um fã seu, é a sua franqueza. Alguns anos atrás, você estava num programa de rádio e respondeu honestamente as suas perguntas, desencadeando algumas manchetes como: 'Billy Corgan critica o PEARL JAM e o FOO FIGHTERS'. Porém, nós não ficamos sabendo o que aconteceu depois que você deu aquelas declarações... Você recebe mensagens de pessoas irritadas com você ou os seus empresários estão tendo que lidar com isso?

 

Corgan respondeu: "Ninguém me fala nada. Na verdade, acabei de ver Eddie Vedder algumas semanas atrás no show de ROGER WATERS e ele me disse ‘olá’ e nos cumprimentamos. Então, não é tão ruim quanto isto aparentou ser em público, mas saber que situações assim podem gerar algo ruim nas pessoas, eu não pretendo mais fazer coisas do tipo, sabe? Não quero fazer parte de uma cultura negativa e não quero mais fazer parte disso, então, já decidi que não vou ser mais esse cara".

 

Corgan também disse que até mesmo quando era jovem, ele nunca sentiu vontade de ser esse tipo de pessoa:

 

"Não. Eu era um miserável... Eu tinha um bom grupo de pares a seguir, mesmo que as pessoas não me entendessem quando eu aplicava os ensinamentos do filósofo alemão Friedrich Nietzsche ou da banda THE DOORS, mas eu não era um personagem misantrópico. Eu sempre fui um ser social e faço amigos facilmente, assim como rejeito facilmente algumas pessoas porque sou um sujeito de opinião. Pessoas inteligentes tendem a ser atraídas pela inteligência e pessoas que querem marcar pontos culturais, seja na época da escola ou não, tendem a se tornarem figuras polêmicas porque você não está disposto a se encaixar num determinado grupo”.

 

“Quando jogava basquete na escola eu era o cara de cabelo comprido e não me coloquei em nenhuma cultura particular, mesmo assim, mais tarde isso resultou em ser uma pessoa emblemática no mundo o qual eu estava entrando: a música. Nunca me coloquei em nenhuma esfera musical e estive ocupado o bastante, mas infelizmente até os dias de hoje as pessoas ainda não sabem em qual ‘caixa’ eu faço parte e tenho feito isso há 30 anos”.

 

“Os EUA estão inclinados a destruir o indivíduo e eu não sei por que é assim... Mas se você consegue sobreviver aos ataques das pessoas tentando paralisar a sua individualidade e conseguir sair do outro lado do corredor, você é quase recompensado por isso".

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes

Pearl Jam: revelado os nomes das músicas do vindouro álbum

January 21, 2020

1/5
Please reload

Destaques
Please reload

2016 by RockInTheHead