• by Brunelson

Smashing Pumpkins: "começou com o personagem Zero, depois me tornei Glass e agora virá o 3º ato"


O frontman do SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, foi recentemente entrevistado pela revista Rolling Stone e dentre vários assuntos, falou também sobre o vindouro álbum de estúdio e que será o 11º disco da banda.

Como já foi dito em entrevistas, este álbum será duplo com 33 músicas e irá finalizar a trilogia dos álbuns "Mellon Collie and The Infinite Sadness" (3º disco, 1995) e "Machina The Machines of God" (5º disco, 2000).

Seguem alguns trechos dessa entrevista:


Jornalista: Qual é o status da sequência do álbum "Mellon Collie..."?

Billy Corgan: Estou no meio disso... Estou com cerca de 16 músicas gravando. Todas as baterias foram gravadas e prevemos que seja finalizado até o final do ano. O disco será bastante selvagem (risos) e está indo muito bem em todos os lugares. É definitivamente na tradição de "Mellon Collie" e "Machina". Na verdade, é uma sequência de ambos os discos.

Jornalista: Então, não vai se chamar "Mellon Collie 2" ou algo assim?

Corgan: Isto seria muito kabuki, um termo como falamos na luta livre. Provavelmente deveríamos chamá-lo de "Rat in The Cage 2". Seria um bom título, mas ele possui o seu próprio título. É a 3ª parte de uma trilogia de histórias que começou com o personagem chamado Zero. É por isso que usei essa camisa (com o logo Zero). Em "Machina", me tornei o personagem Glass e agora esta é a 3ª iteração dos personagens.

Corgan: Para nós, especialmente desde que James Iha voltou nos últimos anos desde 2016 (guitarrista original), estamos lentamente virando essa esquina. Trouxemos muitas pessoas que estavam realmente presas na lama para entender que ainda há muita música boa por vir. Essa tem sido uma luta apenas para mostrar esse ponto e estamos trabalhando nisso.


"Zero" (Álbum: "Mellon Collie and The Infinite Sadness")


"Glass and The Ghost Children" (Álbum: "Machina The Machines of God")


Mais Recentes
Destaques