• by Brunelson

Jeff Ament: "quero que o Pearl Jam faça discos mais curtos e os lancem com mais frequência"


Jeff Ament, baixista e um dos membros fundadores do PEARL JAM, foi entrevistado hoje (06 de Maio de 2022) pelo podcast do jornalista Bill Simmons e falou sobre o último álbum da banda, "Gigaton" (11º disco, 2020), que somente agora em 03 de maio o grupo conseguiu sair em turnê para divulgar o álbum - devido a pandemia.


* Pearl Jam: setlist do show em San Diego - 03/05/2022


Ele também expressou os seus desejos futuros ao PEARL JAM.

Seguem alguns trechos:

Ament quer que o PEARL JAM faça discos mais curtos e os lancem com mais frequência

Sendo perguntado sobre como manter a atenção do público nessa era cibernética de entretenimento, ele disse que recentemente conversou com os seus colegas de banda sobre como no final dos anos 60 e 70, não era incomum que os álbuns consistissem em apenas 07 ou 08 músicas e duravam menos de 30 minutos.

“Acho que, quando os CD's foram lançados e o preço subiu, eu me lembro de pensar, como artista, que você estava cobrando U$ 12 dólares das pessoas por cada CD e geralmente cada CD tinha umas 14 músicas. Você se sentia culpado e então, tudo simplesmente saiu do controle. A maioria dos discos tinham 50 à 60 minutos de duração e sinto que agora é hora de voltar para o outro lado da história. Vamos voltar e fazer discos com 06 ou 07 músicas e então, a coisa do 'déficit de atenção' pode lidar com essa parte, mas eu adoraria gravar mais discos, tipo, 01 disco por ano ou algo assim”.


Ament confirmou que o PEARL JAM flertou com o lançamento de um álbum duplo em vários momentos na carreira

“Houve muita conversa ao longo do tempo sobre lançar um disco duplo, porque às vezes tínhamos material suficiente no final das gravações”, disse o baixista. “Mas acho que sempre voltamos para aquela coisa, tipo, que devemos escolher somente 10 ou 12 músicas e deixar umas 06 para uma coleção de lados-b, como a coletânea de inéditas 'Lost Dogs' de 2003 ou qualquer outra coisa”.

Ament quer deixar o som do PEARL JAM mais experimental, de acordo com a sua contribuição solo sonora para o seriado "Under The Banner of Heaven", junto com o novo membro de turnê da banda, o multi-instrumentista Josh Klinghoffer

“Eu já tinha essa visão, tipo, uns 20 anos atrás sobre como eu queria fazer um álbum ambiente”, disse Ament. “Nós atingimos essa veia onde estávamos fazendo uma música realmente satisfatória para este seriado. Não são músicas, é como se você estivesse criando esses grandes cenários sonoros, criando esses humores em tons diferentes com todos esses instrumentos diferentes. Foi divertido estar na mesma sala com Josh Klinghoffer, com quem fiz várias dessas músicas. Eu imediatamente quis fazer isso com o PEARL JAM, tipo, precisamos fazer isso, porque poderíamos escrever uma tonelada de música fazendo dessa forma”.


Para finalizar, Ament falou que as músicas do álbum "Gigaton" ainda estão tomando forma nos shows, já que a banda só as tocaram em 04 shows de retorno em 2021 e na turnê americana que iniciou agora em 03 de maio

“Acho que esta é a 3ª vez que tivemos que ensaiar as músicas do disco 'Gigaton'”, disse ele com uma risada. “Nós tocamos as músicas nesses 04 shows em 2021, mas não conseguimos tocá-las o suficiente para que elas fizessem parte da nossa memória muscular, então, tivemos que começar tudo de novo cerca de 02, 03 semanas atrás, para reaprendê-las".


"Who Ever Said" (Álbum: "Gigaton")


  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques