• by Brunelson

Smashing Pumpkins: Corgan perguntado sobre ex-membros


Billy Corgan, vocalista/guitarrista do SMASHING PUMPKINS, respondeu algumas perguntas dos fãs em rede social sobre os ex-membros da banda, a baixista Nicole Fiorentino e o baterista Mike Byrne (foto).


Ambos foram recrutados para a gravação e turnê do álbum "Oceania" (7º disco, 2012), onde Corgan veio a demiti-los no final da turnê em 2014.


Em relação a Nicole Fiorentino, Corgan pareceu amigável.


Confira:


Pergunta: Você trabalharia com Nicole Fiorentino de novo? Adorava o estilo dela!


Billy Corgan: Claro.


Já referente a Mike Byrne, Corgan pareceu mais tenso, respondendo: "Digamos que Mike, assim como Elvis Presley, saiu da 'casinha'".


Corgan continuou: “Mike Byrne me ensinou muito sobre a sua geração e observando os atritos de perto, com a adição de tudo o que envolvia, comecei a entender o que ele achava chato no SMASHING PUMPKINS... Ele não estava errado, mas também não estava certo".


"Grandes músicos como Mike Byrne são capazes, mas mesmo assim eles estão dispostos a parar de olhar para o sol brilhante e se perguntarem, com razão, o que há no lado escuro da lua?"


"Imagine o seguinte: o mundo nos anos 30 foi menos brilhante para aquela geração? Grandes movimentos de arte vieram, mas também o cenário para a guerra mundial, então, a luz encontra a escuridão? Ou a escuridão encontra a luz?"


"Mas onde há iluminação cintilante, porém falsa, nós devemos destruí-la, procurando deixa-la mais real, verdadeira e mais do mais. Funciona toda vez quando você pode passar pelo agrupamento do seu próprio esquecimento - ou bocejo".


"Misture isso com o punk rock cinético, elétrico e hiperbólico, porque eu não dou a mínima para o que você esteja fazendo e talvez - apenas talvez - alguém acorde desse coma em que eles estão".


Corgan também reagiu às notícias de que o SMASHING PUMPKINS tinha 246,2 milhões de transmissões do Spotify em 2019, com 22,6 milhões de ouvintes. Isto aconteceu 01 ano depois que Corgan, James Iha (guitarrista) e Jimmy Chamberlin (baterista, todos membros originais) se reuniram para a turnê americana em arenas do álbum de retorno do grupo, "Shiny and Oh So Bright, Vol. 1" (9º disco, 2018).


“Amigos, esses números do spotify para 2019 são loucos. Todos nós da banda só podemos agradece-los por apoiarem a nossa música, depois de 31 anos e contando... Reconheço com muita humildade tudo isso".


Confira a performance do SMASHING PUMPKINS com Nicole Fiorentino no baixo e Mike Byrne na bateria, da canção "The Celestials" e que foi lançada no álbum "Oceania":

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques

2016 by RockInTheHead