Kim Thayil: guitarrista relembra de quando o Soundgarden havia terminado em 1997

April 27, 2019

 

O guitarrista do SOUNDGARDEN, Kim Thayil, revelou em uma nova entrevista para a Billboard que foi inesperada a decisão de Chris Cornell em terminar com a banda em abril de 1997, e que enquanto gravavam o disco "Down on The Upside" (5º álbum, 1996), Thayil já estava discutindo outro disco do SOUNDGARDEN com o baterista Matt Cameron.

 

Jornalista: Em dois anos, será o 25º aniversário do álbum "Down on The Upside". Supõe-se que haverá algum tipo de relançamento ou um box deluxe...

 

Kim Thayil: O nosso disco "Superunknown" (4º álbum, 1994) tinha muitos lados-b, sobras de estúdio e demos, por isso que fizemos um box especial quando foi relançado em 2014, marcando os 20 anos, mas para o álbum "Down on The Upside" não temos muita coisa extra... 

 

Thayil: Esta é uma conversa que tive com o responsável de relações públicas da gravadora, porque não há muita coisa para esse disco, sabe? Podemos remixá-lo, mas não gostamos de fazer isso em nossos registros. O que podemos oferecer é uma remasterização e talvez uma atualização da obra de arte e da embalagem, mas não vejo muito material bônus para lançar, a menos que descubramos algumas tomadas de estúdio e versões ao vivo das músicas. Nós não éramos fãs em tratar as músicas originais do SOUNDGARDEN como "vadias" ou "náufragos", mas nós temos as fitas originais, então, uma coisa que podemos fazer é uma mixagem de som, talvez".

 

Thayil: Sempre achei esse álbum muito foda e com músicas de meio-tempo, o que impediu que fosse tão empolgante quanto algumas dessas canções poderiam ser.

 

 

Jornalista: "Down on The Upside" muitas vezes foi escrito sobre a lente da banda se separando, onde as pessoas interpretam as coisas nas músicas depois do fato ocorrido. Você poderia definir esse disco de uma forma direta?

 

Thayil: As pessoas estão invertendo a causalidade. Elas estão dizendo: “Ah, a última música do disco é 'Boot Camp' e a banda saiu em turnê e depois se separou, portanto, o rompimento deve ser previsto nas letras desse álbum' ou 'O rompimento é o que fez com que o disco tivesse estes sentimentos'".

 

Thayil: Não, também não é esse o caso. Se você observar a história do material do SOUNDGARDEN, há muitos temas sobre finitude e finais. Está presente em muitas de nossas músicas, desde o início de carreira, e o fato de haver canções tematicamente referenciando conclusões sobre esse álbum, em última análise é mera coincidência. Quando estávamos gravando o disco 'Down on The Upside', pelo menos com o baterista Matt Cameron eu conversei sobre o próximo álbum que poderíamos lançar no final daquela turnê.

 

Confira o áudio de estúdio da canção "Never The Machine Forever", lançada no álbum "Down on The Upside":

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes

Pearl Jam: baixista cita novas bandas e diz que o rock não está morto

July 14, 2020

1/5
Please reload

Destaques
Please reload

2016 by RockInTheHead