Pearl Jam: lançando em vinil lendário show de 1994

August 14, 2018

 

No dia 31 de Agosto/2018, o PEARL JAM vai lançar em vinil o show "Live at The Orpheum Theatre", realizado em 12 de Abril/1994.

 

Este é o 1º lançamento em vinil autônomo do álbum, que apresenta o show realizado em Boston poucos dias após a morte de Kurt Cobain. Este show foi originalmente lançado como bônus no box de relançamento em conjunto dos álbuns "Versus" e "Vitalogy" no ano de 2011 (2º e 3º discos do PEARL JAM).

 

Foi uma performance especial gravada durante a turnê final do mítico álbum "Versus", apresentando um setlist dos sonhos criado especialmente pela equipe de roadies do PEARL JAM. Lembrando que antes de ter sido lançada no box de relançamento, durante anos era uma das gravações mais procuradas entre os mais sérios aficionados fãs da banda.

 

Este show foi gravado apenas 01 semana após a morte de Kurt Cobain, incluindo covers de canções como, “Sonic Reducer” (do DEAD BOYS, com o vocalista do MUDHONEY, Mark Arm, dividindo os vocais) e “Fuckin' Up (de NEIL YOUNG), bem como versões primárias de músicas como, “Immortality” (com letras diferentes), "Not For You" e "Tremor Christ" (todas inéditas, que ainda iriam ser lançadas no disco "Vitalogy" no final de 1994).

 

Além do setlist ter sido montado pela equipe de roadies da banda, é considerado pelos fãs do PEARL JAM como uma noite especial - nessa que foi uma turnê limitada do grupo, porque o PEARL JAM estava numa briga judicial com a Ticketmaster, se esquivando em fazer shows promovidos pela empresa. 

 

Esta apresentação havia sido a 3º e última em Boston. Os 02 concertos anteriores aconteceram na arena Boston Garden, com 15.000 pessoas, ao contrário do Orpheum Theater com capacidade para 2.700 lugares. Aqui, a banda está na sua clássica forma explosiva dos anos 90: jovem, faminta e determinada a fazer a diferença.

 

Lá em 1995, o jornal de Boston havia escrito uma matéria sobre o tributo que o vocalista Eddie Vedder fez a Kurt Cobain neste 3º show. Confira alguns trechos:

 

E o destaque daquele show foi a inacreditável performance da nova música da banda, chamada 'Immortality'. Eles haviam estreado essa canção na noite anterior na arena Boston Garden e foi claramente escrita em memória a Kurt Cobain. 

 

Cobain tragicamente havia tirado a sua própria vida apenas 01 semana antes e toda a comunidade musical ainda estava se recuperando e lamentando essa grande perda.

 

As letras daquela versão inicial da canção "Immortality" eram muito diferentes das que estão na versão lançada no álbum, mas mesmo assim apresentam uma qualidade assombrosa de luto para a ocasião, lamentando a perda de um amigo e um modelo para a cena grunge de Seattle. Lamentando a perda de alguém que levou a sua fama sério demais e que não aguentou o pacote que o sucesso traz. Lamentando a perda de alguém que preferiu "morrer apenas para viver", e que se tornou imortal.

 

No final da música, Eddie improvisou as letras da clássica canção de NEIL YOUNG, "Hey Hey, My My", cantando:

 

Hey, hey, esse é o meu último dia

My, my, sei o quão difícil eu tento

Hey, hey, eu adoraria ficar

My, my, eu gostaria de poder ficar chapado

 

Esta música de NEIL YOUNG também apresenta em suas letras a marcante frase que Kurt usou na sua carta de suicídio: "É melhor queimar do que desaparecer", uma letra que Eddie havia respondido algumas noites antes num show:

 

"Hey, eu tenho que admitir, nós temos muitas coisas passando em nossas mentes agora... É difícil se apresentar, sendo que pessoalmente, sinto que não deveríamos tocar nada. É realmente uma situação muito estranha, um sentimento vazio... Está tudo bem em desaparecer e não se queimar".

 

Lembrando que a versão lançada no box de relançamento não veio com o show completo, deixando assim, várias raridades de fora, como as músicas: "Hard to Imagine", "Alone" e "I've Got a Feeling (cover BEATLES).

 

Não ficou claro se a versão em vinil virá com o show completo.

 

Desde sempre, Vedder nega que as letras da canção "Immortality" é uma homenagem ou faz referências a Kurt Cobain...

 

Confira esta rara performance do PEARL JAM tocando a música "Immortality", neste mesmo show citado aqui nessa matéria:

 

Assim como o setlist completo dessa apresentação:

 

1. Oceans

2. Even Flow

3. Sonic Reducer (cover DEAD BOYS)

4. State of Love and Trust

5. Hard to Imagine

6. Immortality

7. Go

8. Animal

9. Glorified G

10. Daughter

11. Alone

12. Not For You

13. Betterman

14. Rats

15. Blood

 

Encore Break

 

16. Release

17. Tremor Christ

18. Once

19. Fuckin' Up (cover NEIL YOUNG)

20. Dirty Frank

21. Yellow Ledbetter

22. Rearviewmirror

23. Elderly Woman Behind The Counter in a Small Town

24. I've Got a Feeling (cover BEATLES)

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes

Prophets of Rage: fãs concedem as suas opiniões sobre o "fim" do grupo

November 18, 2019

1/5
Please reload

Destaques
Please reload

2016 by RockInTheHead