• by Brunelson

Pearl Jam: a canção "I Am Mine" também se refere a tragédia de Roskilde Festival em 2000


Em um novo programa de rádio da série Audible Original Words + Music, o vocalista do PEARL JAM, Eddie Vedder, foi entrevistado e dentre vários assuntos, relembrou sobre a tragédia que marcou a banda no Roskilde Festival em 2000 na Dinamarca (foto) e como isso quase significou o fim da banda.


* Pearl Jam: relembrando Roskilde/Dinamarca


* Eddie Vedder: citando filha de Cornell e tragédia ocorrida em Roskilde


* Pearl Jam: resenha sobre a canção "Love Boat Captain", do disco "Riot Act"


* Pearl Jam: "nossos corações continuam doendo", sobre tragédia no Roskilde Festival em 2000


* Eddie Vedder: "passamos por muitas curas interiores com os pais das pessoas que morreram em Roskilde"

Na época, 09 pessoas foram mortas pisoteadas pela multidão durante a apresentação do PEARL JAM e o grupo havia cancelado o show e aquela turnê europeia. Embora a banda tenha retornado aos palcos em 02 meses iniciando a turnê pelos EUA, PEARL JAM optou por não se apresentar em outro festival até o de Reading e Leeds em 2006 na Inglaterra.

Mas em 2005, PEARL JAM veio pela 1ª vez à América do Sul realizando shows próprios e se apresentou em estádios de futebol e na Pedreira em Curitiba.

Abordando o assunto desta tragédia em 2000, Vedder falou: "Havia pelo menos 01 pessoa na banda, que agora eu não me lembro quem era, que pensou que talvez nunca mais deveríamos tocar novamente".

Vedder também mencionou como os membros do PEARL JAM foram afetados pelas mortes, dizendo: “Todos nós tivemos que processar algo que passamos como indivíduos, todos com a ajuda uns dos outros”.

“Logo depois, eu meio que desapareci dentro da Europa... Tive a minha própria maneira de superar isso, que foi tendo aulas de violão espanhol com pessoas que não falavam inglês. Essa era apenas uma maneira de me concentrar e estar perto de pessoas que eu não conseguia entender o que eles falavam na maioria das vezes. Dessa forma, eu era capaz de estar perto das pessoas, mas como eu realmente não sabia o que elas estavam dizendo, me senti muito calmo e tranquilo”.


No retorno da banda ao palco que aconteceu em 03 de agosto de 2000 na Virgínia/EUA, Vedder disse que o grupo teve problemas para se aclimatar com a pressão que pairava à sua frente: “Os nossos nervos estavam à flor da pele desde a noite anterior ao show, quando fizemos uma breve passagem de som e parecia um pouco estranho olhar para os assentos vazios, pois nos passou um significado diferente..."

“Começou a parecer uma situação muito tênue, porque havia tanta emoção e sentimento acontecendo, que eu pensei: ‘Eu tenho que controlar isso e preciso fazer alguma coisa’. Eu tinha um pequeno gravador de fita-cassete em casa e foi quando gravei e criei a música ‘I Am Mine’ (7º disco, "Riot Act", 2002). Era tudo uma questão de se preparar para o 1º show depois daquela fatalidade e esperar que todos estivéssemos seguros na noite seguinte".

O último álbum de estúdio lançado pelo PEARL JAM, "Gigaton" (11º disco, 2020), havia sido avaliado pela revista britânica New Music Express em seu lançamento. Confira somente um trecho desta resenha: “Sem dúvida, como pioneiros e figuras que moldaram a história do rock, PEARL JAM ganhou o direito de fazer o que quiser, mas a questão é se alguém ainda está ouvindo? Com esse álbum multifacetado, a resposta provavelmente é sim”.


"I Am Mine"


  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques