top of page
  • by Brunelson

Philip Selway: baterista do Radiohead fala sobre a música "Pyramid Song” e futuro da banda


Philip Selway, baterista do RADIOHEAD, foi entrevistado pela revista Spin e falou sobre a expansão do seu som com o lançamento do seu novo disco solo, o futuro do RADIOHEAD (desde 2016 sem lançar um álbum de estúdio), os ritmos complexos da música “Pyramid Song” e outros assuntos.


Confira alguns trechos dessa matéria e entrevista:

Os fãs do RADIOHEAD costumam ser obsessivos em rede social e na página Reddit da banda, questionando sobre o futuro do grupo pelo hiato em que se encontra e pelo fato do vocalista Thom Yorke e do guitarrista Jonny Greenwood terem formado uma nova banda em 2021 sob o nome de THE SMILE.


Muitos fãs se expressaram com comentários do tipo: “É o fim do RADIOHEAD?”, “THE SMILE é o novo RADIOHEAD?” e “THE SMILE é o RADIOHEAD disfarçado?”, mas se houve uma separação, ninguém disse nada ao baterista Philip Selway.

“Até onde eu sei, ainda somos uma banda”, ele disse na entrevista, rindo alto com um sorriso brincalhão. “Se alguém souber de algo diferente, eu ficaria muito interessado em saber”.

Mesmo que a turnê mais recente do RADIOHEAD tenha terminado no ano de 2018 em divulgação ao último álbum de estúdio lançado, "A Moon Shaped Pool" (9º disco, 2016), todos os membros do grupo estão bastante ocupados ultimamente.

THE SMILE lançou o seu disco de estreia em 2022 e eles já tocaram 09 músicas inéditas nos shows que não foram lançadas no álbum; o guitarrista Ed O'Brien gravou novo material após a sua estreia solo em 2020; o baixista Colin Greenwood está em turnê como parte da banda de apoio do artista Nick Cave; e Selway lançará o seu 3º álbum solo em 24 de fevereiro de 2023.

“Pra mim, o que quer que façamos em projetos paralelos, tudo cai sob o guarda-chuva de nós 05 da banda”, disse Selway. “Em última análise, tudo se alimenta disso”.

Jornalista: Como um fã nerd do RADIOHEAD, tenho que perguntar sobre a sua bateria na canção “Pyramid Song”. Todos esses anos depois, ainda estou perplexo com a forma como você decodificou esse ritmo. Como você conta os compassos dessa música e como você abordou a construção da faixa de bateria para ela?

Philip Selway: Referente ao lado da contagem dos compassos, é apenas um 4/4. Eu odeio admitir isso.

Jornalista: Mas a sensação é tão estranha!

Selway: Sim, oscila dentro disso. Na verdade, eu não conto os compassos (risos). Eu sinto o meu caminho naquela parte de bateria mais do que contando. Eu me lembro do dia em que a estávamos gravando no estúdio e parte de mim estava perdida sem saber o que fazer e não parecia que estava se transformando em uma sessão de muito sucesso, mas assim que parei de tentar analisar a música ritmicamente, apenas permiti que a execução acontecesse naturalmente e respondi às inflexões no piano e no vocal de Thom Yorke. A peça se encaixou e fiquei bastante surpreso com o resultado, porque no início da sessão não soava bem (risos). Eu fui ver uma peça de dança muito boa ontem à noite em Londres chamada "Ruination", e eles fizeram uma versão da música “Pyramid Song” que foi absolutamente linda com apenas piano e contralto vocal. Oh, Deus! Você volta para casa com os ouvidos frescos para algo que é tão familiar e pensa: “Na verdade, essa é uma música muito boa mesmo”. Thom Yorke se saiu muito bem nessa gravação (risos).


Jornalista: Sim, é louco de observar, porque se você olhar os comentários dos fãs online, as pessoas contam esta canção em muitos compassos selvagens...

Selway: Na verdade, está sendo lançado um livro baseado em como interpretar o fluxo rítmico da música “Pyramid Song” (risos).


Jornalista: Todos os membros do RADIOHEAD estão ocupados ultimamente, incluindo Thom Yorke e Jonny Greenwood com a banda THE SMILE. Você já ouviu o álbum deles?

Selway: Sim, claro! Fui vê-los numa apresentação em 2022, quando eles estavam fazendo os seus primeiros shows em Londres. Até então, eu não tinha ouvido o disco deles ainda e simplesmente amei a dinâmica entre eles... Thom e Jonny são fascinantes. Normalmente, eu os ouço tocarem quando estou sentado na bateria atrás deles no palco, mas vê-los do outro lado no meio da multidão foi fantástico. E então, junto com Tom Skinner, cuja sua bateria é incrível. Há sempre esses grooves incríveis acontecendo, sendo que Skinner vem de uma formação de jazz e possui todos aqueles resquícios de jazz.

Selway: Sabe, há uma dinâmica particular entre nós 05 no RADIOHEAD, da qual acho que estamos muito orgulhosos. Foi desenvolvido a partir de nós basicamente aprendendo os nossos instrumentos juntos, mas é um processo tão saudável quando saímos do RADIOHEAD e vamos além disso, onde vemos o que essas outras vozes musicais podem fazer com as suas ideias.


Jornalista: Bom, todo mundo parece estar fazendo isso no momento. Você com o seu trabalho solo, o álbum solo de Ed O'Brien, os múltiplos projetos paralelos de Thom Yorke, as trilhas sonoras de Jonny Greenwood…

Selway: Sim, e Colin Greenwood está no momento na banda de apoio de Nick Cave! Esse é o melhor show de todos para assistir, não é?


Jornalista: Existem rumores de um box de relançamento do álbum "Hail to The Thief" (6º disco, 2003), referente ao 20º aniversário em 2023. Há tantos lados-b incríveis nesse álbum e parece a escolha ideal para um relançamento.

Selway: Hmmm… Estávamos muito focados em toda a coisa do relançamento em conjunto que foi para os álbuns "Kid A" (4º disco, 2000) e "Amnesiac" (5º disco, 2001), e acho que o mesmo está chegando à sua conclusão natural, mas voltando ao relançamento do álbum "Hail to The Thief", iremos nos reunir agora no início de 2023 e tenho certeza de que começaremos a procurar outras ideias para o que vem a seguir. "Hail to The Thief"... Faz muito tempo desde o lançamento desse disco, não é?

Jornalista: São 20 anos... Eu me lembro de comprar esse álbum e implorar ao gerente da loja de discos para me deixar ficar com este enorme pôster promocional que ficou pendurado na minha parede por vários anos. A minha esposa me fez jogá-lo fora quando nos mudamos para um apartamento menor... Eu fiquei arrasado, mas acho que tomei a decisão certa.

Selway: Você priorizou a felicidade futura, Ryan (nome do jornalista). Acho que foi a escolha certa.


* Radiohead: exposição virtual com a PlayStation para relançamento dos discos "Kid A" e "Amnesiac"


* Radiohead: ouça música inédita "If You Say The Word"; relançando os discos "Kid A" e "Amnesiac"


* Radiohead: lançando clipe da canção "If You Say The Word"


* Radiohead: lançando clipe para a canção "Follow Me Around"


“Pyramid Song” (Disco: "Amnesiac")


Mais Recentes
Destaques
bottom of page