• by Brunelson

Motorhead: por que Lemmy Kilmister foi expulso da escola?


Lemmy Kilmister, falecido vocalista/baixista do MOTORHEAD, era puro rock 'n' roll.

Você pode ouvir esta expressão muitas vezes, mas tudo o que Lemmy disse ou fez estava firmemente enraizado na ideia do puro rock 'n' roll.

Desde que ele ouviu Little Richard pela primeira vez, Lemmy sabia exatamente o que faria pelo resto da sua vida. Para pessoas como Kilmister, não havia plano B - era tudo ou nada - ele iria sobreviver ou morrer tentando.

Ele gostava das guitarras altas e da batida forte e constante, onde o MOTORHEAD se tornou um dos pioneiros significativos de uma nova onda do heavy metal britânico em meados da década de 70.


Como ídolo do rock, Lemmy usava cordas pesadas no seu baixo e aumentava o gain do amplificador para a saída máxima, criando um som de distorção estrondoso em seu instrumento. Ele tocou baixo como uma guitarra base e usou muitos dos seus toques para tornar o som característico do MOTORHEAD que conhecemos.

Nos primeiros dias, antes de Lemmy eventualmente começar a usar o pedal fuzz para criar mais distorção, ele mesmo criava essa distorção natural e absoluta ao baixo com o biótipo clássico de sua imagem provocativa - costeletas, usando joias da 2ª guerra mundial e botas de caubói projetadas especificamente para ele com estrelas e flores bordadas.

Lemmy não se importava exatamente com o que os outros pensavam dele - ele tinha uma estética peculiar, mas as pessoas o levavam muito a sério porque se ele tivesse alguma razão para fazer algo, ele não pensaria duas vezes antes de bater em você.


E quando ele ainda era um adolescente, Lemmy já estava deixando a sua marca de personalidade e a escola onde ele estudava foi uma das receptoras - como Freud já dizia, tudo começa na infância...

“O meu pai era vigário e a maneira como ele se comportou me afastou da religião para o resto da minha vida. Ele fugiu, deixou a minha mãe e eu não o vi por 25 anos”, Lemmy começou a relembrar da sua história numa entrevista para o site Louder Than War, que culminou em uma briga que o expulsou da escola.

E emparelhando com o seu estilo de vida rock 'n' roll, era exatamente o que ele fazia quando estava na escola.


Ele continuou com a sua história: “Fui expulso da escola quando tinha 14 anos de idade por bater no diretor. Fui enviado ao seu escritório para receber duas pancadas com a bengala, depois que eu tinha me metido numa briga”, disse Lemmy.

“Eu disse a ele: 'Ok, mas não na minha mão com os curativos da briga'. Então, ele bateu na minha mão que tinha os curativos e abriu o corte que já tinha... Eu ainda tenho a cicatriz, bem aqui”.

Lemmy concluiu: “Ele era um idiota miserável e sádico, então, eu bati nele e fui expulso. Foi na Escola Ysgol Syr Thomas Jones em Amlwch, Anglesey. Os outros alunos não gostavam de mim na escola porque eu era inglês - eles me batiam falando em galês! Eu lutaria contra eles, mas de que adiantava se havia uma grande quantidade deles!”


"Ace of Spades" (MOTORHEAD)


  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques