• by Brunelson

Foo Fighters: "quando voltarmos em turnê será para comemorar o 26º aniversário da banda"


O guitarrista do FOO FIGHTERS, Chris Shiflett, foi entrevistado pela revista Rolling Stone Austrália e falou mais sobre o vindouro álbum do FOO FIGHTERS, "Medicine at Midnight" (10º disco).


* Chris Shiflett: guitarrista do Foo Fighters comenta sobre o novo disco, "Medicine at Midnight"

Nem é preciso dizer que o ciclo deste álbum é bem diferente de qualquer outro anterior, pois o disco "Medicine at Midnight", que foi concluído no início de 2020, foi adiado indefinidamente devido à pandemia e com as coisas só agora começando a recuar em direção a alguma versão do normal, em termos de promoção de novas músicas e apresentações ao vivo.

Dito isso, o guitarrista do FOO FIGHTERS observou que ele conseguiu tirar o máximo proveito dessa situação difícil, pois o bloqueio significou que a banda foi forçada a fazer a pausa mais longa que eles tiveram em algum tempo.

“Com certeza foi a pausa mais longa de ficar em casa de forma consistente desde que tive filhos”, Shiflett falou. “Foi um momento muito bom para ficar bastante em casa com os meus filhos".

“Assim que percebi que isso estava realmente acontecendo, cancelando planos, adiando o lançamento do álbum, que o bloqueio era real e que não havia maneira de contornar isso, eu simplesmente abracei a minha família!”

E apesar de ter sido forçado a arquivar o disco "Medicine at Midnight" por vários meses, Shiflett disse que não havia necessidade de mexer em nenhuma das músicas ou gravar um novo material para o álbum com todo o tempo extra inesperado que foi concedido à banda.

"Não que eu saiba! Eu sinto que estamos muito orgulhosos desse álbum e só queríamos lançá-lo. Eu acho que tem sido a coisa mais estranha ter um álbum inteiro terminado apenas sentado lá, esperando, e você não pode tocá-lo pra ninguém por meses e meses. Mas não, eu não acho que houve qualquer pensamento sobre voltar e recortar coisas ou mudar algo”.

Shiflett também comentou sobre a primeira apresentação pandêmica da banda, que tinha sido em outubro de 2020 no clube Troubadour, Los Angeles, antes de se apresentarem no programa de TV, Saturday Night Live. Ao vivo na TV, eles estrearam o single do novo álbum, a música "Shame Shame", e foi um alívio para a banda poder tocar ao vivo novamente.

“Foi estranho, mas muito mais divertido do que eu esperava, considerando que não tínhamos uma multidão e não havia fãs nem nada”, disse Shiflett. “Mas mesmo estando na frente de nossa equipe de roadies, alguns caras de nossa gerência e a equipe de filmagem, foi muito divertido!”

“Foi uma longa pausa e não sei o que o futuro reserva, como vamos voltar em turnê ou como isso vai parecer, mas seja o que for, tenho certeza que faremos o melhor disto".

Enquanto a pandemia destruiu os planos do FOO FIGHTERS de comemorar seu 25º aniversário, Shiflett tem esperança de que a banda possa se recuperar em 2021 - se a turnê for uma possibilidade.

“Eu imagino que quando voltarmos para a estrada no próximo ano, estaremos celebrando o 26º aniversário”, ri o guitarrista. “Não é um número tão bom, mas o que você pode fazer?”

Ele finalizou: “Teremos apenas que esperar pelos 50 anos, esse será o grande problema!”

Confira a performance do FOO FIGHTERS no programa Saturday Night Live, da canção "Shame Shame":


  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques

2016 by RockInTheHead