• by Brunelson

Dave Grohl: "não comecei a tocar música com uma carreira em mente" - Parte 1


Confira a matéria e entrevista que o site Vulture havia feito com Dave Grohl, baterista do NIRVANA e frontman do FOO FIGHTERS.


* Dave Grohl: "perguntei a Krist e a Kurt se eles queriam outro baterista"


* Dave Grohl: perguntado sobre qual o seu prêmio Grammy favorito?

Nesta 1ª parte que separamos para você, Grohl é perguntado sobre o sucesso repentino do NIRVANA e como é a forma atual de "valorizar" uma banda ou artista em tempos cibernéticos, em comparação com a época pré-internet:


--------------------


Dave Grohl é o astro do rock mais prolífico dos últimos 30 anos e de alguma forma, ainda o estamos conhecendo...

Entrevistei Dave Grohl 01 dia depois do show do FOO FIGHTERS em meados de setembro de 2021, o qual quase não aconteceu. Uma névoa persistente deixou os aviões particulares da banda presos na pista do aeroporto por quase 04 horas e a Live Nation havia solicitado aos membros da banda que gravassem um vídeo anunciando que o show seria cancelado, para apresentar dentro do local do show na cidade de Syracuse, New York, que acomodou mais de 17 mil pessoas.


* Foo Fighters: setlist do show em Syracuse, New York - 15/09/2021

Momentos antes de fazer a gravação, Grohl foi conversar com os pilotos dos aviões e deu tudo certo. Quando chegaram em Syracuse, FOO FIGHTERS correu para o local do show flanqueado por uma escolta policial, onde abriram o concerto com a triunfante canção "Times Like These".


Atrasos climáticos não seria problema para um dos sobreviventes do rock.

Após toda a história sobre ser baterista do SCREAM e depois do NIRVANA, com o FOO FIGHTERS se iniciou um projeto como vocalista e guitarrista em gravações demo solo tocando todos os instrumentos, levando um Dave Grohl a ser incluído 02 vezes no Rock and Roll Hall of Fame.


* Nirvana: bastidores e detalhes exclusivos da reunião no Hall of Fame 2014


* Foo Fighters: eleito ao Rock and Roll Hall of Fame com discurso de Paul McCartney

E mais recentemente, Grohl vem divulgando o seu novo livro biográfico e o 1º a ser escrito por ele, "The Storyteller: Tales of Life and Music", e ele nos contou pessoalmente sobre várias histórias em seu livro.

Jornalista: É outono de 1991. NIRVANA está no meio de uma turnê de clubes quando o disco "Nevermind" é lançado. Vende algumas milhares de cópias nas primeiras semanas e no final do ano está vendendo centenas de milhares por semana. Em que ponto você percebeu que as coisas mudaram?

Dave Grohl: Não sabíamos muito disso porque estávamos presos em uma van viajando toda hora, parando em pequenos clubes e carregando o nosso próprio equipamento para o show. Me lembro da noite em que o videoclipe da música “Smells Like Teen Spirit” estreou na MTV. Kurt Cobain e eu costumávamos dividir o mesmo quarto no início e sabíamos que iria passar na TV. Naquela noite, percebemos que tínhamos passado de uma banda em uma van para uma banda em uma van com uma porra de videoclipe na TV.

Grohl: Estávamos nos movendo tão rapidamente naquele ponto e acho que não percebemos o que estava acontecendo até meses depois. A única coisa que notamos foi a quantidade de pessoas nos shows. Estávamos reservando lugares como o clube 9:30 na capital Washington, tipo, com capacidade para 200 pessoas e você chegaria ao show e veria que havia mais de 200 pessoas no clube e mais de 200 pessoas do lado de fora tentando entrar.


Jornalista: É tão diferente agora nos tempos atuais. As pessoas estão realmente mais sintonizadas com os números de visualizações e seguidores...

Grohl: Mas acho que nenhum de nós começou a tocar música com uma carreira em mente, sabe? Você se apaixona pelos BEATLES, pega um velho instrumento e ele se torna um quebra-cabeça ou uma brincadeira. Você encontra amigos com a mesma opinião que estão presos à mesma obsessão. Você começa a tocar as suas próprias músicas de merda no porão da sua casa. Talvez pensaria que iria fazer isso na frente das pessoas algum dia e comecei a ansiar por esse relacionamento com o público.

Grohl: Eu pensava: "As outras coisas, se vierem, virão muito mais tarde na vida", mas agora é um mundo diferente mesmo e acho que, enquanto vejo as minhas filhas aprendendo a tocar música, elas estão começando do mesmo lugar que eu. A intenção inicial é genuína e nunca vai embora.


"Smells Like Teen Spirit"


  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques