Jimi Hendrix: como ele transformou "The Star Spangled Banner" em um hino de protesto

June 26, 2020

 

A batalha pelos direitos civis e um país em guerra consigo mesmo, revelou a opinião do guitarrista Jimi Hendrix sobre o hino nacional americano e que ainda ressoa fortemente até hoje.

 

Foi lançado o livro  Jimi Hendrix Black Legacy: A Dream Deferred, do autor Corey A. Washington. O livro é uma exploração do impacto de Jimi Hendrix na cultura negra. Ele entrevista pessoas que conheceram Hendrix - incluindo o seu irmão, Leon - ao lado de muitas vozes que geralmente não são ouvidas nas biografias tradicionais de Hendrix.

 

O livro examina a influência de Hendrix em muitos gêneros musicais - incluindo blues, soul, funk, rock e hip hop - e lança uma nova luz sobre o seu legado. O autor explora como as versões de Hendrix do hino nacional americano, "The Star Spangled Banner", moldaram uma imagem surpreendente de um EUA caótico e que infelizmente ainda tem muito a destilar...

 

Jimi Hendrix forneceu às suas apresentações do hino nacional, as nuances da Guerra do Vietnã com sons de metralhadoras, bombas caindo e sirenes sendo emitidos de sua poderosa guitarra.

 

Hendrix havia dito num show em San Francisco, California, em 1968: "Gostaríamos de continuar apresentando o hino nacional americano, representando os sons e o feedback da guerra que mais me parecem almas perdidas e cheias de frustração... Mas eu não sei, somos apenas mensageiros, não é? Vamos ver se conseguimos transmitir este sentimento para vocês e talvez, através de toda essa barulheira, algumas pessoas consigam imaginar que não estamos inventando nada novo".

 

"Sabe, às vezes você se cansa de tocar as mesmas notas, então, quer se aproximar de tocar exatamente o que você chama de 'verdadeiro sentimento', independentemente do que seja..."

 

É relatado no livro que Jimi Hendrix já apresentou o hino nacional 63 vezes durante um período de dois anos entre agosto de 1968 até agosto de 1970.

 

A pesquisa mostra como a versão do hino de Hendrix se transformou em uma declaração política, até mesmo se transformando em um chamado à ação.

 

Numa conferência de imprensa no Harlem, bairro de New York, um repórter perguntou a Hendrix sobre a sua apresentação do hino nacional no Woodstock Festival em 1969. Hendrix explicou que o hino foi originalmente escrito em um estado bonito, mas quando ele o toca agora, ele toca da maneira que os EUA estão em seu estado atual, com muita estática e atrito no ar.

 

Jimi Hendrix viu o que estava acontecendo no país e usou a sua plataforma artística para se manifestar. 

 

Neste mesmo show em San Francisco, Jimi Hendrix ainda falou: "Aqui está uma música em que todos nós sofremos lavagem cerebral, mas lembrem-se dos idosos, somente os bons, ok?"

 

No Woodstock Festival, ele atenuou a sua agressão vocal e colocou esse fogo em sua interpretação instrumental, ao pintar com maestria a sonoridade de uma imagem precisa do caos em que os EUA estavam, no que se refere à Guerra do Vietnã, direitos civis, confrontos entre ricos e pobres, hippies, conservadores, liberais e qualquer outra pessoa cansada de mentir.

 

Hendrix continuaria a forçar esta questão em 1970. 

 

Em 30 de maio de 1970, no Community Theatre, na cidade de Berkeley, California, ele dedicou o concerto ao grupo político Panteras Negras. Um mês antes, em 25 de abril, no Fórum de Los Angeles, ele tocou outra versão bastante insubordinada do hino nacional.

 

Hendrix falou neste show em Los Angeles: "Eu vi por que as pessoas derrubam este país... Naturalmente, ainda amo os EUA, mas posso ver por que as pessoas o derrubam. Vocês sabem, tem muita gente boa envolvida nisso, mas também tem muita gente do mal e muito do porquê disso é baseado em dinheiro. É realmente uma coisa muito doente de se pensar".

 

Então, ele entra na questão racial: "O negro argumenta com o branco que ele foi maltratado nos últimos 200 anos. Bom, ele realmente foi, mas agora é a hora de resolver isso em vez de ficar falando sobre o passado".

 

Hendrix finalizou: "Sabemos que o passado está todo errado, então, em vez de ficar falando sobre isso, vamos juntar as coisas e nos unirmos agora!"

 

Confira a lendária apresentação de Jimi Hendrix no Woodstock Festival em 1969, onde o guitarrista ainda choca o mundo com a sua épica performance do hino nacional americano, "The Star Spangled Banner":

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes

Smashing Pumpkins: confira duas novas músicas, "Confessions of a Dopamine Addict" e "Wrath"

September 26, 2020

1/5
Please reload

Destaques
Please reload

2016 by RockInTheHead