• by Brunelson

Queens of The Stone Age: Dave Grohl relembra de quando tocou bateria e quase deixou o Foo Fighters


Dave Grohl comentou recentemente em entrevista ao site The Ringer, que estava preparado para deixar o FOO FIGHTERS em 2002, acreditando que a apresentação da banda no Coachella Festival em 2002, California, seria o show final da banda - assim como já foi dito no documentário que narra a história do FOO FIGHTERS, "Back and Forth" (2011).


Grohl disse que foi a "crise dos 07 anos", fazendo referência ao ditado sobre separação em casamentos.


Seguem alguns trechos:


"Na época, me peguei falando sobre o FOO FIGHTERS, tipo: 'Por que ainda estou fazendo isso? Eu realmente quero fazer mais isso?' E então, comecei sentir a pressão para continuar com a banda e fiquei: 'Mas que porra isso daqui! Não foi por isso em primeiro lugar que comecei com o FOO FIGHTERS'. E então, você começa a falar: 'Blá, blá, blá' e com aquela vontade de mandar todo mundo se foder, sabe? Numa certa hora, decidi que iria acabar com o grupo, mas 03 meses depois, fiquei pensando: 'Sinto falta de vocês, caras'. E então, nos reunimos novamente e foi o que aconteceu conosco naquele período".


Nesta época, Grohl deixou o FOO FIGHTERS de lado e se juntou ao QUEENS OF THE STONE AGE para gravar o clássico álbum "Songs For The Deaf" (3º disco, 2002). Grohl se lembrou de quando foi convidado para somente gravar este álbum por algumas semanas e quando percebeu, se viu em turnê com a banda realizando vários shows nos EUA e Europa.


Grohl pretendia apenas tocar 01 show ao vivo com o QUEENS OF THE STONE AGE, no lendário clube Troubadour, Los Angeles, já que o grupo tinha arranjado um novo baterista.


Grohl continuou:


“No final do show, Mark Lanegan - que era um dos vocalistas da banda na época (ex-SCREAMING TREES) - havia me dito: 'Cara, seria uma pena se esta fosse a única vez que iremos fazer um show juntos...' Tipo, realmente gravamos um disco que foi muito inspirado e logo depois iria chutar a porra da bunda de todos?".


"Voltei para o pessoal do FOO FIGHTERS e lhes comuniquei que iria fazer uma turnê com o QUEENS OF THE STONE AGE. Eles ficaram chateados comigo e me disseram: 'OK, tchau então'".


"Esta situação se transformou em algo que não terminaria bem e o Coachella Festival estava chegando... FOO FIGHTERS se apresentou neste festival e o QUEENS OF THE STONE AGE tocaria no outro dia do mesmo festival, e eu pensava que aquele seria o último show do FOO FIGHTERS”.


"Então, eu me apresentei nas 02 bandas e de alguma forma todo mundo ficou bem... Depois daquilo, nós continuamos com o FOO FIGHTERS".


Conforme é noticiado no documentário "Back and Forth", tudo começou com a overdose do baterista Taylor Hawkins em Londres. Depois, quando foram gravar o álbum "One by One" (4º disco, que só seria lançado em 2002), os trabalhos e tudo o que foi gravado foram suspensos, ocasionando na ida de Dave Grohl para tocar bateria no QUEENS OF THE STONE AGE para dar um "tempo pra cabeça". Quando a etapa da turnê do QUEENS OF THE STONE AGE com Grohl na bateria se encerrou, FOO FIGHTERS voltou aos trabalhos e recomeçaram do zero a gravação do álbum "One by One".


Confira a performance do QUEENS OF THE STONE AGE com Dave Grohl na bateria, apresentando a canção "Avon" (1º disco, "Queens of The Stone Age", 1998):

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques

2016 by RockInTheHead