• by Brunelson

The Who: quando o baterista jogou um carro na piscina e desmaiou em show da banda


“Eu sou o maior baterista do mundo do tipo Keith Moon” - disse uma vez em entrevista o próprio Keith Moon, baterista do THE WHO.

Não só Keith Moon era uma bola ardente de energia fervorosa, mas também era uma pessoa brincalhona e que adorava rir.


* The Who: Top 10 pegadinhas do baterista Keith Moon

O baterista era famoso por pregar peças nos outros e foi o que lhe valeu o apelido de "Moon The Loon". Em um trágico caso de dualidade, seria essa propensão para o perenemente louco Moon que não apenas adicionaria a cor vibrante do rock ‘n’ roll em sua vida, mas também a encerraria rápido demais.

Infelizmente, Keith Moon faleceu com a tenra idade de 32 anos após uma overdose de clomethiazole, uma droga destinada a ajudar na abstinência do álcool, o que deixou um buraco no THE WHO e na cena rock mundial.

Moon era o falastrão da turma e um inegável ponto de partida para a festa. Ele fez várias turnês pelo mundo com o THE WHO e enquanto alguns músicos se tornaram extremamente sensíveis e sérios durante a virada da década de 60 para 70, Moon permaneceu tão distante da seriedade do rock quanto pôde.

Ele continuou pregando peças nas pessoas e se encontrando em apuros até o fim da sua vida. Com isso, resolvemos celebrar o método corisco de Keith Moon com o qual ele se aproximou da vida.

Confira somente 02 dos vários momentos mais selvagens de Keith Moon que separamos para você:

Mergulhando na Piscina


A noite em questão era o aniversário de 21 anos de Keith Moon, um aniversário especial para a maioria das pessoas que estavam com ele e que Moon pretendia torná-lo um evento inesquecível.

O local escolhido foi o Hotel Holiday Inn na cidade de Flint, Michigan, um local que veria uma das noites mais selvagens de sua vida e mais um capítulo na longa história de comportamento indisciplinado de Moon.

O baterista passou a maior parte da noite pulando de telhados direto nas piscinas, explodindo banheiros com as suas bombas de fumaça e geralmente causando travessuras por onde passava.

Mas ele tinha algo especial planejado para a sua chegada ao Holiday Inn.

Em seu quarto de hotel havia pilhas e mais pilhas de bolos de aniversário, naturalmente, uma grande guerra de comida começou. No entanto, Keith Moon tinha outro plano para o clímax da noite.

Ele pegaria as chaves de um carro Lincoln Continental e o levaria para dentro da piscina.


Bom, pelo menos, esta foi a afirmação feita pelo próprio Keith Moon.

Moon havia dito numa entrevista: “Meia dúzia de carros estavam estacionados ao redor daquela piscina. Eu corri e pulei no primeiro carro que encontrei que era um Lincoln Continental novo”.

“Ele estava estacionado em uma pequena colina e quando tirei o freio de mão, ele começou a descer e se espatifou contra a cerca ao redor da piscina, onde o carro inteiro entrou na piscina comigo dentro”.

Desmaio e Substituição no Show


A infame imprevisibilidade de Keith Moon, uma vez levou a banda ser forçada a substituí-lo por uma pessoa da plateia durante um show, depois que o baterista do THE WHO desmaiou no palco.

A noite em questão foi em 20 de novembro de 1973, quando um fã adolescente conseguiu realizar o seu sonho como baterista do THE WHO por apenas 01 noite. Esta façanha aconteceu no Cow Palace na cidade de San Francisco, EUA, na frente de 14 mil pessoas.

O sortudo fã, Scott Halpin, nem tinha ingresso antes do show e o seu amigo lhe fez o serviço depois de roubar 01 ingresso de um cambista. O que aconteceu a seguir foi um conto de fadas para um jovem de 19 anos de idade...

Keith Moon estava bebendo conhaque e tinha ingerido tranquilizantes para animais, quando ele ficou inconsciente enquanto tocava para uma grande multidão no show do THE WHO. A banda estava se preparando para deixar o público insatisfeito até que um membro da plateia subiu ao palco e deu tudo de si no show.

Foi um momento que imaginamos que este fã nunca irá esquecer.

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques