• by Brunelson

Kurt Cobain: ele realmente recebeu convite de Quentin Tarantino para o filme Pulp Fiction?


A resposta curta é: depende de para quem você pergunta.

Mas a longa resposta vê um dos cantores e compositores mais icônicos da história da música, Kurt Cobain, considerado para um papel em um dos filmes mais icônicos já feitos, o clássico Pulp Fiction de Quentin Tarantino. O boato já existe há algum tempo e estamos aqui para tentar esclarecer tudo para você.

Talvez não haja maior cruzamento de cultura popular dos anos 90 do que este. Como vocalista/guitarrista do NIRVANA, Kurt Cobain foi considerado a voz de sua geração. A geração X estava procurando por um líder após a comercialização dos anos 80 e Cobain estava pronto para intensificar e trazer alguma autenticidade ao gênero do rock alternativo.

Enquanto isso, em Indiewood, um jovem Quentin Tarantino estava fazendo o mesmo - criando filmes visualmente impressionantes e narrativamente cativantes para uma nova geração.

Teria sido um casamento feito no céu?

O único problema real com a história é a legitimidade dela. A fonte da história parece ser em grande parte da esposa e parceira de Cobain, Courtney Love. A vocalista da banda HOLE conseguiu alguns papéis em seu tempo, mas isso teria visto Cobain assumir um papel de destaque em um grande filme.

O papel pelo qual Cobain estava supostamente em disputa era o traficante de heroína de Vince Vega (John Travolta), Lance, perfeitamente interpretado por Eric Stoltz. Love chegou a sugerir que ela também estava pronta para um papel neste clássico filme cult. De acordo com Love, enquanto Cobain foi definido para assumir o papel de Lance, ela foi marcada para o papel de Patricia Arquette como Jody.

A ideia de Cobain e Love como o casal traficante de heroína da história, pode ter sido um obstáculo para Tarantino, afinal, na época, a dupla era duas das pessoas mais famosas do mundo. No entanto, a proximidade da dupla com os papéis dos personagens - Cobain e Love eram famosos usuários de heroína - pode ter dissuadido Tarantino a oferecer formalmente os papéis às duas estrelas grunge.

No entanto, a história cai em desuso com o próprio diretor do filme, que foi claro ao negar esse boato como simplesmente "fumaça sem fogo". De acordo com o jornal britânico, Daily Express, Tarantino disse que “negou ter oferecido o papel a Kurt, ou mesmo tê-lo conhecido”.


Fica a dica para quem ainda não viu o filme...

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques