top of page
  • by Brunelson

Jimi Hendrix: relembrando da estranha turnê com o The Monkees


Sim, Jimi Hendrix e THE MONKEES fizeram uma turnê bizarra juntos. É o equivalente musical de colocar mostarda num copo de leite.

A turnê parece uma ideia totalmente ridícula na superfície, no entanto, isso não impediu que alguém em algum escritório organizasse as duas estrelas de mundos diferentes para pegar a estrada juntos, apesar da música e imagens de cada um serem mais do que contrastantes.

THE MONKEES eram os garotos que representavam o lado inocente da música e Jimi Hendrix representava o lado mais corajoso e debochado da indústria. Hendrix ganhou a sua crosta de maneira desafiadora, atuando como músico de estúdio para estrelas como Little Richard e estreando em apresentações no circuito de clubes antes de atravessar o Atlântico para Londres, em uma tentativa de se tornar uma estrela.

É claro, essa foi uma história de origem completamente diferente para o THE MONKEES, uma banda que foi escalada para estrelar uma comédia na TV sobre um grupo fictício, que os viu se tornar uma entidade real devido à demanda que o programa evocou.

Eles eram um grupo familiar que não iam entregar nada que chocasse o público e os shows eram tão puros e certinhos quanto o programa de TV.

Mas como Jimi Hendrix acabou na estrada junto com essa banda?

O homem que desempenhou o papel crucial em conseguir Hendrix para abrir os shows do THE MONKEES em sua turnê por estádios americanos em 1967, foi Mickey Dolenz, que ajudou a unir esses dois mundos para as vindouras infames datas: “Eu vi Jimi Hendrix pela primeira vez quando ele ainda se apresentava como Jimmy James and The Blue Flames”, disse Micky Dolenz à revista Forbes. “Eu estava em New York e alguém disse que eu tinha que ir ao bairro Greenwich Village para ver esse cara tocando guitarra com os dentes num clube da região”.

Quando Dolenz compareceu ao Monterrey Pop Festival (EUA), ele não podia acreditar quando aquele cara que ele viu em Greenwich Village estava arrasando e fazendo um show em um dos maiores palcos da música. Ele sabia a partir desse momento que não havia ninguém como Hendrix e que ele estava na presença de uma grandeza.

“Estávamos prestes a fazer uma turnê e estávamos procurando por uma banda de abertura”, acrescentou Dolenz. “Eu disse aos produtores do show que Jimi Hendrix seria ótimo para abrir o THE MONKEES, porque ele era muito teatral como nós. Acho que os meus produtores gostaram da ideia e os produtores de Jimi também gostaram da ideia e acabamos na estrada juntos... Foi maravilhoso".

Ainda está no ar se Jimi Hendrix teve muito a dizer sobre aceitar esse convite para fazer a turnê com o THE MONKEES, considerando as suas opiniões extremas sobre o grupo.


Antes da reunião de Dolenz e Hendrix, em uma entrevista para a revista britânica Melody Maker, Hendrix deixou a sua opinião sobre o THE MONKEES em termos inequívocos: “Oh, Deus, eu os odeio! Água de louça... Você não pode bater em ninguém por eles quererem fazer isso, mas as pessoas gostam do THE MONKEES?"

Em seu comentário contundente, mesmo que Jimi Hendrix não tivesse nada contra o THE MONKEES como pessoas (a questão era somente musical), escolher apoiar um grupo numa turnê abrindo os seus shows e que você “os odeia”, faz pouco ou nenhum sentido e o fato da turnê ter sido desastrosa não deve chegar como surpresa.

Jimi Hendrix fez a sua 1ª aparição na cidade de Jacksonville, Flórida, em 08 de Julho de 1967. Somente como nota, Hendrix tinha acabado de lançar o seu álbum de estreia, "Are You Experienced", em maio de 1967.


Apesar de Hendrix ser o talento mais visceral do planeta Terra naquele momento, a multidão não se importava com ele e só queria mesmo era assistir o show do THE MONKEES - tanto que Hendrix já era conhecido e estava em plena ascensão nos circuitos por toda a Europa, mas ele só ganharia fama nos EUA mais tarde.


Dolenz relembrou mais tarde: “Jimi ia para o palco, ligava os amplificadores e começava a tocar a música 'Purple Haze', e as crianças na plateia o vaiavam instantaneamente com gritos de: 'Nós queremos Davy!' Deus, foi embaraçoso”.

Sem surpresa, Hendrix não durou toda a série de shows daquela turnê. Para o seu crédito, ele conseguiu tocar em 07 shows com o THE MONKEES, sendo que a apresentação no Estádio Forest Hills em New York no dia 17 de Julho de 1967, foi a gota d'água para ele.


A falta de reação do público em relação a Hendrix - que ele precisava para conseguir funcionar - levou Hendrix a ficar cada vez mais frustrado e supostamente levantando o seu dedo médio para a multidão como seu ato final.

Comments


Mais Recentes
Destaques
bottom of page