• by Brunelson

Jerry Cantrell: falando sobre as guitarras Gibson


Quando o guitarrista do ALICE IN CHAINS, Jerry Cantrell, havia sido entrevistado recentemente pelo programa de rádio Let There Be Talk, ele também havia falado sobre guitarras, mais especificamente o seu relacionamento com as guitarras Gibson (foto) e sua nova gestão empresarial, além de outros assuntos.


* Alice in Chains: "estamos conversando sobre uma turnê para o 2º semestre de 2022"

Confira alguns trechos dessa entrevista:

Jerry Cantrell: O meu som desde muito cedo, claro, todo mundo me associa às guitarras Gibson Les Paul, que foi a guitarra com a qual eu meio que comecei a tocar.

Cantrell: Mas as Gibsons sempre foram uma grande parte do meu som, então, há uma boa dose dessas guitarras em meu histórico e diria que a maioria cai mesmo para o lado da Gibson.

Cantrell: Comecei a conversar com o pessoal da Gibson nos 02 últimos anos e começamos a falar sobre designs customizados de algumas Les Pauls, o que foi muito interessante pra mim.

Cantrell: O novo gerenciamento da Gibson me chamou e eles sabem que eu sou um grande fã de guitarras barítonas, sendo que toquei com elas em muitos dos discos que gravei com o ALICE IN CHAINS e na minha carreira solo, variando o efeito e o peso para um tipo diferente de cor.

Cantrell: Então, foi aí que tudo começou e começamos a falar sobre as coisas e sobre projetar algumas guitarras.

Cantrell: Eu sempre toquei com guitarras Gibson e estou feliz por fazer parte da família. Realmente gosto do que essas novas pessoas estão fazendo com o gerenciamento da empresa Gibson e também gosto que eles queiram fazer coisas muito legais comigo, projetando algo legal para guitarras e para as pessoas tocarem.


Jornalista: Você já tocou em guitarras Gibson Sunburst 58', 59' ou 60', as mesmas do guitarrista do LED ZEPPELIN, Jimmy Page?

Cantrell: Sim e elas são ótimas. Quando era criança, via essas Gibsons e falava: "Nossa! Essa é a guitarra mais legal de todas!" Eu queria uma dessas e para o Natal fiz a minha pequena lista de presentes e até recortei uma foto de uma Les Paul e colei no papel para os meus pais verem.

Cantrell: Eu apenas escrevi no topo da lista: "Isso é tudo o que eu quero!" Antes do Natal, um grande presente apareceu lá embaixo da árvore e que tinha uma forma triangular. Eu ficava pensando: "Oh, meu Deus! Eles compraram mesmo uma Les Paul pra mim! Eles me deram uma porra de uma guitarra Gibson Les Paul!"

Cantrell: Por 01 semana ou o que quer que fosse antes do Natal, eu pensei que estava realmente recebendo uma Les Paul, mas chega o dia de Natal, abro o presente e era um violão, um violão de merda.

Cantrell: Então, o meu pai estava muito animado porque ele tinha me dado um violão, mas não era a guitarra Les Paul que eu tinha pedido. Eu disse na hora: "Eu queria uma Les Paul!" E ele me respondeu: "Você primeiro vai ficar bom nisso e eu compro uma Les Paul depois, mas aprenda como tocar primeiro!"


Jornalista: Sim, é verdade mesmo, porque essas guitarras custavam muito dinheiro quando éramos crianças, pois nós temos a mesma idade.

Cantrell: Elas ainda custam muito dinheiro, algumas até demais... Essas que estamos falando custam uns U$ 10 mil dólares.

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques