• by Brunelson

Foo Fighters: setlist, fotos e resenha do show no Madison Square Garden, New York


Confira alguns trechos da resenha que a revista Spin fez do show do FOO FIGHTERS realizado ontem, domingo (20/06/2021), no Madison Square Garden em New York.


A letra de abertura do FOO FIGHTERS na música "Times Like These" resumiu uma noite histórica e uma experiência extraordinária: "É em tempos como esses que você aprende a viver de novo".

O cenário era o Madison Square Garden... A ocasião? O primeiro concerto na arena com capacidade lotada desde os bloqueios do covid em março de 2020.


Houve especulação do público sobre outros artistas que poderiam ter tido a honra de realizar o show de retorno do Madison Square Garden, como Bruce Springsteen, mas ficou imediatamente claro que o FOO FIGHTERS era a escolha perfeita para os nova-iorquinos celebrarem a reabertura da cidade com uma infusão muito bem-vinda de energia comunal, camaradagem e alegria.

Os estilos de rock de arena consumadamente elaborados do grupo são clássicos. Com 26 anos desde a sua fundação, FOO FIGHTERS ainda produz a intensidade e propulsão de muitas de suas músicas, equilibradas pelo charme irresistível e desgrenhado de Dave Grohl, sem mencionar a energia de alta octanagem da banda que engolfa cada performance ao vivo.

Foram 24 músicas e mais de 02 horas e meia de sucessos, covers e canções do novo álbum, "Medicine at Midnight" (10º disco, 2021).

A abertura com a música "Times Like These" começou com o tecladista Rami Jaffe e Dave Grohl num momento focal de intensidade silenciosa, antes de entrarem em ação. Enquanto que durante a canção "The Pretender" a banda mostrou a sua boa fé musical ao introduzir um pouco da canção "Frankenstein”. No momento em que o hit dinâmico de meio tempo da música "Learn to Fly" terminou, Grohl estava encharcado de suor e o público sem máscaras estava além do êxtase.

As músicas do álbum "Medicine at Midnight" apresentadas foram quase tão bem recebidas quanto os sucessos consagrados - o que não é pouca coisa. A canção “No Son of Mine”, um ranger implacável inspirado no MOTORHEAD com três cantoras de apoio, foi incendiária, e em contraste marcante com outro single, a música “Shame Shame”, uma canção sobressalente, percussiva, ligeiramente tingida de reggae e que marca uma partida musical de sucesso para o FOO FIGHTERS. A poderosa canção, "Medicine at Midnight", também possui o seu toque dos anos 80 e ainda consegue ser moderna.

O único convidado especial do show foi o comediante Dave Chappelle, que se juntou à banda para levar os vocais na música "Creep", do RADIOHEAD.

Era uma arena rock com o charme e carisma íntimo de uma banda de garagem. FOO FIGHTERS ainda brilhou em sucessos como nas canções "My Hero", "This is a Call" e "Best of You".


O humor evidenciado também veio numa versão fiel e divertida da música "You Should Be Dancing", estreando este cover do BEE GEES. O garoto da Califórnia, o baterista Taylor Hawkins, provou mais uma vez o seu valor como vocalista em outro cover, “Somebody to Love”, do QUEEN, com Dave Grohl assumindo o seu antigo papel como baterista do NIRVANA e os backing vocais femininos novamente adicionando ainda mais profundidade à habilidade instrumental da banda.

A noite serviu como uma celebração da luz no final do mais escuro dos túneis, disse o sorridente Dave Grohl à plateia: "Isso foi bom e acho que deveríamos fazer com mais frequência".

Fechando o show com o seu hit de assinatura, a canção "Everlong", as letras de Grohl foram novamente vistas como um símbolo do retorno alegre a uma experiência compartilhada: "Se tudo pudesse parecer tão real para sempre / Se algo pudesse ser tão bom novamente".

De fato.

Setlist:

1. Times Like These 2. The Pretender 3. Learn to Fly 4. No Son of Mine 5. The Sky is a Neighborhood 6. Shame Shame 7. Rope 8. Run 9. My Hero 10. These Days 11. Medicine at Midnight 12. Walk 13. Somebody to Love (cover QUEEN) 14. Monkey Wrench 15. Arlandria 16. Breakout 17. Creep (cover RADIOHEAD w/ Dave Chappelle) 18. All My Life 19. Aurora 20. This is a Call 21. Best of You Encore Break 22. Making a Fire 23. You Should Be Dancing (cover BEE GEES) 24. Everlong


* Foo Fighters: setlist e destaques do show em estreia do álbum "Medicine at Midnight"


* Foo Fighters: divulgando datas da turnê americana 2021

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques