• by Brunelson

Dead Boys: subestimado na importância do punk rock, relembre show no clube CBGB em 1977


Dizer que a explosão do punk rock irrompeu somente dos becos de New York com os RAMONES e que depois gerou as bandas punk de Londres, seria esquecer a contribuição vital de uma série de outros atos passados que influenciaram a onda de choque do maravilhoso gênero de 03 acordes.


Além de grupos pioneiros como THE STOOGES (que veio de Detroit) e o poder extra que o BUZZCOCKS trouxe da cidade de Manchester na Inglaterra, havia também as lendas do influente punk rock, o DEAD BOYS.


Liderados pelo vocalista Stiv Bators com o guitarrista Cheetah Chrome no segundo comando, DEAD BOYS rapidamente se tornou o rosto da cena punk em sua cidade natal, Cleveland, como parte de outros atos.


No entanto, depois de ser encorajado por simplesmente Joey Ramone (vocalista dos RAMONES) a se mudar para New York para capitalizar a banda no crescente circuito underground - o qual estava abrindo as suas portas para novas e sujas bandas - DEAD BOYS agarrou a oportunidade.


New York com o clube CBGB e outros da região, com certeza foi uma cena feita para a natureza crua do grupo.


Se havia um lugar em New York que tinha as suas portas abertas para bandas punk, era a meca do punk rock, o clube CBGB do proprietário Hilly Kristal, e que se tornaria um local que o DEAD BOYS iria dominar.


Foi aqui que Stiv Bators faria o seu nome conhecido entre a elite underground que agora estava circulando nas profundezas de New York, fazendo coisas no palco como cortar a sua própria barriga com o pedestal do microfone, uma façanha que ele faria mais de uma vez...


Foram comportamentos como esse que manteve o DEAD BOYS fora das rádios convencionais, com chefes de gravadoras e executivos das rádios com muito medo de trabalhar/chamá-los para um compromisso.


Mas certamente não foi por causa das canções que eles não foram reconhecidos pelo mainstream, pois eles surgiram equipados com algumas das músicas mais influentes e viscerais que o punk rock já tinha visto.


Uma dessas canções que realmente os separou dos outros foi "Sonic Reducer".


Quem foi um grande fã da banda era o falecido chef de cozinha, Anthony Bourdain. Ele havia dito em uma de suas últimas entrevistas: “O 1º álbum do DEAD BOYS, 'Young, Loud and Snotty' (1977), é um dos discos de punk rock mais puros já gravado e mostra uma música punk clássica. A musicalidade não é das melhores, eles foram realmente uma das bandas mais feias que já subiram no palco, mas neste sentido, realmente encapsulou o punk rock em seu melhor”.


A canção "Sonic Reducer" (lançada neste álbum de estréia) foi composta e escrita anteriormente por Cheetah Chrome e pelo vocalista da ex-banda dos dois, David Thomas, enquanto eles estavam no grupo ROCKET FROM THE TOMBS.


Durante a história, esta música foi amplamente tocada por grandes bandas e artistas, entre eles, o PEARL JAM, mas ninguém conseguiu chegar perto da performance original que o DEAD BOYS trouxe ao mundo.


Separamos dois vídeos que contêm o show completo do DEAD BOYS no clube CBGB em 1977. Uma apresentação que inclui muitos sarcasmos, um pouco de cuspe e um setlist cheio de músicas pesadas e rápidas, capazes de rasgar o que for ao meio.


Por que o DEAD BOYS não é considerado com mais determinação como parte do pioneiro conjunto punk rock, é uma resposta que francamente está além de nós...


Olhando para trás em performances como essa ao vivo no clube CBGB, é fácil ver como eles dominaram a cena do rock underground - a julgar pelo show, é fácil ver como eles eram a coisa toda.


  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques

2016 by RockInTheHead