top of page
  • by Brunelson

Jim Morrison: quando criou o caos em viagem de avião e foi recebido pelo FBI quando aterrissou


Jim Morrison era um vocalista mais propenso a arranhões e machucados do que os joelhos de uma criança sapeca.

Ao longo de sua carreira tragicamente breve, ele não era estranho a uma cela de prisão - ele até foi preso por supostamente expor a sua genitália num show. O denominador comum de suas várias escaramuças era a bebida e como todos sabemos, talvez até por experiência pessoal, álcool e viagens de aviões não combinam bem.

A história conta que, por um capricho do rock 'n' roll, Jim Morrison decidiu na manhã do incidente assistir a um show do ROLLING STONES em Phoenix, Arizona. Ele convidou o publicitário do THE DOORS e dois amigos próximos para o passeio. Era 11 de novembro de 1969, cerca de 01 ano depois que ele foi proibido de se apresentar nesse mesmo local por incitar um tumulto que quase se materializou.

Os planos para assistir a este show foram um pouco desequilibrados quando o vôo atrasou e a partir daí começaram os problemas. Presos no aeroporto, havia muito pouco para Morrison e seu amigo ator, Tom Baker, fazerem algo, a não ser, começarem a beber.

No momento em que o avião estava pronto para embarcar, a dupla estava um pouco "revigorada" e quando finalmente o avião decolou, a dupla se transformou em passageiros desordeiros causando momentos extremos de empurrões ao superego.

De acordo com a biografia de Jim Morrison, "No One Here Gets Out Alive", eles começaram a importunar os comissários de bordo. Com isso, o piloto teve que intervir e disse a Morrison e Baker que ele mudaria o percurso do vôo e os prenderia se alguma conduta desordeira continuasse. O piloto continuou e completou o vôo pousando em Phoenix, onde Morrison e Baker foram recepcionados por agentes do FBI e receberam a ordem de prisão.

A dupla de bêbados foi acusada de estar embriagada causando caos e interferindo no vôo do avião. Foi uma acusação séria que a ocupada equipe jurídica de Morrison finalmente conseguiu anular sem cumprir 01 dia do que era uma sentença potencial de 10 anos de prisão - embora eles tenham perdido o show do ROLLING STONES.

No entanto, essa história é sinônimo do declínio de Jim Morrison, já que os seus modos pensativos de rock 'n' roll passaram do carisma no palco para a desordem total fora do palco.

Essa história e muitas outras eram bandeiras vermelhas de que os modos de Morrison de passar o tempo poderiam ter sugerido algo um pouco mais sério, mas infelizmente, elas nunca foram encaradas como um sinal de alerta...

Comentarios


Mais Recentes
Destaques
bottom of page