top of page
  • by Brunelson

Foo Fighters: resenha do disco "Medicine at Midnight" pela revista Kerrang


Confira alguns trechos da resenha que a revista britânica Kerrang fez sobre o novo álbum do FOO FIGHTERS, "Medicine at Midnight", concedendo nota 4 num máximo de 5:


O novo álbum de estúdio do FOO FIGHTERS, "Medicine at Midnight" (10º disco, 2021), realmente traz um senso de nostalgia, mas está mais de acordo com o grande rádio rock americano dos anos 70 e 80, e obras de artistas que você não poderia imaginar, como Peter Frampton e THE EAGLES.

Na abertura do álbum com a música "Making a Fire", há um groove de AEROSMITH, enquanto no single principal, "Shame Shame", possui uma sensação solta e congestionada, construída em torno de uma batida de estalar de dedos que se transforma num refrão que vai aumentando lentamente.

A canção "Medicine at Midnight" quase soa como algo que poderia ter estado num retorno de David Bowie aos palcos, discreta, mas afiada como uma navalha, enquanto a música "Chasing Birds" é totalmente descontraída e legal. O poder do outro single, "Waiting on a War", vem de suas melodias e não do volume, mesmo no final, quando eles entregam a parte mais quebraceira.

Nas músicas "No Son of Mine" e "Holding Poison", o ritmo acelera e Dave Grohl dá alguns gritos na canção "Cloudspotter", mas as coisas nunca caem em algo que vai te deixar maluco.

Mas o que é esse álbum, não é realmente sobre esses momentos atuais que estamos vivendo. Em vez disso, é uma exibição do que é uma banda simples e fundamentalmente boa que o FOO FIGHTERS é, e do quão habilidoso é Dave Grohl com uma melodia e ritmo. Você não poderia chamar este álbum de despojado, mas a sua natureza menos tempestuosa coloca as coisas num foco um pouco mais nítido.

O plano pode ter sido congelado e ninguém realmente sabe quando algo vai começar de novo, mas isso não tira nada das coisas aqui. Em vez de lamentar o fato de que ainda não ouviremos essas músicas ao vivo por muito tempo, recebemos a oportunidade de morar com elas e sentir agora um pouco de sua alegria.

E como o próprio Dave Grohl concorda, isso é algo que vale a pena divulgar...

Nota: 4/5


Confira o vídeoclipe da canção "No Son of Mine", um dos singles do álbum "Medicine at Midnight" do FOO FIGHTERS:


Comments


Mais Recentes
Destaques
bottom of page