Motorhead: as lições que Lemmy Kilmister aprendeu sendo roadie de Jimi Hendrix

June 17, 2020

 

Algumas lendas do rock and roll são acusadas de muito mais ficção do que fatos em suas histórias. Geralmente, há um exagero aqui ou uma aumentada lá, mas quando a pessoa que conta a história é o líder icônico do MOTORHEAD, o saudoso Lemmy Kilmister, você pode ter 99% de certeza de que a história é verdadeira.

 

As histórias da herança do rock and roll de Lemmy, sem mencionar as performances, são vastas e variadas. O vocalista/baixista do MOTORHEAD literalmente fez tudo, inclusive usando os seus dias de moleque para atuar como roadie e "mula" de drogas para Jimi Hendrix.

 

É verdade que o maior guitarrista que já viveu costumava contar com Lemmy Kilmister, um dos futuros reis do hard rock e heavy metal, não apenas para atuar como o seu roadie de turnê, mas também para usar as drogas nas festas pós-show.

 

A conexão entre os dois foi o culminar de circunstâncias fortuitas e o aluguel extorsivo de Londres: “Eu estava dormindo no mesmo andar do apto de Jimi Hendrix, sabe? Ele estava dividindo um apartamento com o baixista Noel Redding”, revelou Lemmy numa entrevista antiga para a revista Rolling Stone, acrescentando: “Então, sempre que precisavam de alguma coisa, eu estava lá. Eu não consegui o emprego de roadie por nenhum talento ou qualquer coisa do tipo".

 

Porém, um benefício foi ver o mestre trabalhando: “Mas eu vi Jimi Hendrix tocando muitas vezes. Duas vezes por noite durante cerca de 03 meses, sabe? Eu também o vi tocar muito nos bastidores com um velho violão da Epiphone de 12 ou de 06 cordas, e ele costumava se sentar em uma cadeira nos bastidores para ficar tocando".

 

Ver Hendrix fazer as suas coisas deve ter fornecido muita inspiração para o jovem roqueiro: “Quando ele se apresentava, era mágico, sabe? Você o observaria e o espaço e o tempo paravam". Mas não duraria para sempre e Lemmy lembrou-se de sentir um pouco de pena pelo lugar em que Hendrix havia se colocado.

 

Lemmy continuou: “Ele deveria ser um showman, mas acho que acabou ficando cansado disso e quando as pessoas o pressionavam, ele entrava nesse tipo de 'imitação' de Jimi Hendrix, você me entende?" 

 

Isso foi algo que Lemmy claramente aprendeu sobre os negócios da música e resolveu adotar na postura da sua futura banda, MOTORHEAD.

 

No entanto, Lemmy revelou o que também "aprendeu" com Hendrix em outra entrevista: "Jimi Hendrix me ensinou a encontrar drogas nos lugares mais improváveis, porque isso fazia parte do meu trabalho para ele", disse o baixista para a revista Revolver.

 

Lemmy complementou: "Foi assim que aprendi a funcionar com 05 doses de ácido, mas também aprendi sobre teatro e performance. Jimi era tão legal sem esforço nenhum e se movia como uma elegante aranha. Ele sempre esteve interessado pela multidão durante a sua performance, conversando com o público e contando piadas muito ruins porque estava muito chapado. As pessoas não conseguiam entender do que ele estava falando quando ele terminava de falar, mas Hendrix certamente foi o melhor guitarrista que você já viu e provavelmente nunca mais verá outro maior”.

 

Lemmy claramente utilizou o seu talento recém-descoberto durante o seu tempo com Jimi Hendrix, se tornando também um dos destaques do rock nas últimas décadas. Sempre oferecendo uma abordagem do que você vê, é o que você ganha na vida e na música, Lemmy combinou a ele todos os aspectos emocionais e profissionais pelo maior guitarrista de todos os tempos.

 

Confira o áudio da canção "Ace of Spades" do MOTORHEAD:

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes

Smashing Pumpkins: confira duas novas músicas, "Confessions of a Dopamine Addict" e "Wrath"

September 26, 2020

1/5
Please reload

Destaques
Please reload

2016 by RockInTheHead