• by Brunelson

Nação Zumbi: uma sobrevoada no disco "Futura"


Em 2005, a banda NAÇÃO ZUMBI lançava o seu 6º álbum de estúdio, "Futura", e o 4º sem o seu falecido vocalista, Chico Science. "Futura" foi produzido pela banda e pelo renomado produtor, Scotty Hard.


Este disco seria o mais discreto em toda a sua discografia, com uma cara de músicas lados-b em sua maioria (o que não deixa de serem baitas canções) e uma sonoridade mais simples, seca e sem muitos temperos, destacando áudios digitais, samplers e por que não, uma presença mais funkeada em suas canções.


Apesar dessa cortina toda, o álbum abre com a clássica NAÇÃO ZUMBI soando, com o riff instantaneamente reconhecível da música, "Hoje, Amanhã e Depois". Sendo uma das melhores canções de toda a discografia do grupo, single desse disco e quase sempre batendo cartão nos shows desde o seu lançamento, a introspectiva letra lhe dá combustível para encarar os dias que passam e virão...


Aqui, começam a vir as músicas mais minimalistas, lados-b e as outras citações apresentadas na introdução do texto. "Na Hora de Ir", "Memorando" (com a sua letra: "Zumbi era Lampião / Lampião era Zumbi"), "A Ilha" (um single, talvez?), "Respirando" (viajando em psicodelia), "Voyager" e "Expresso da Elétrica Avenida" (altas guitarra), preenchem o álbum.


Soltando uma canção instrumental, "Nebulosa" é simplesmente uma das melhores músicas da banda. Tenho várias fitas de vídeo cassete das antiga, com clipes, shows, documentários e etc, e numa delas, tem uma entrevista com a banda CHICO SCIENCE & NAÇÃO ZUMBI, acho que de 1994, bem no começo, e cada membro do grupo falam 01 banda como influência. BEASTIE BOYS foi citado e se encaixa como uma luva na discografia inteira da banda brasileira. "Nebulosa" entraria fácil como uma daquelas músicas instrumentais que recheiam os álbuns do BEASTIE BOYS.


Vindo de um disco forte e pesado, só aqui com a música "Sem Preço", é que escutamos aquela velha parede de som distorcida da guitarra - mas também soando direta e reto.


"Vai Buscar" é uma sra. canção, top fácil na lista da banda. Não tem o que falar, somente escutar e viajar... O nelson manda um abraço, ju-re-ma...


Caminhando para o final do disco, parece que a transição sonora vai iluminando o caminho, assim como acontece em várias grandes bandas e discos. A música, "Pode Acreditar", surge da neblina e filtrada depois da banda vivenciar uma saga sonora inédita, dando mostras do que estaria por vir no seu próximo álbum de 2007 - quiçá, o disco mais maduro em sua discografia, tranquilamente flutuando e trocando o posto de nº1 entre os melhores lançados...


A canção título fecha o disco de uma forma bem viagem e psicodélica, ao estilo da NAÇÃO ZUMBI.


NAÇÃO ZUMBI está em atividade até hoje com 08 álbuns de estúdio e 01 de covers lançado por último, com turnê pela Europa e Brasil sempre que lançam um novo disco.


Ao lado de Chico Science, eles criaram um ritmo novo e único chamado manguebeat, que foi também um movimento contracultural surgido a partir de 1991 em Recife/PE, misturando ritmos regionais como o maracatu, ciranda e forró, de mãos dadas com o rock, hip hop, funk americano e outras peculiaridades.


Track-list:


1. Hoje, Amanhã e Depois

2. Na Hora de Ir

3. Memorando

4. A Ilha

5. Respirando

6. Voyager

7. Expresso da Elétrica Avenida

8. Nebulosa

9. Sem Preço

10. Vai Buscar

11. Pode Acreditar

12. Futura


Confira o vídeo clipe da canção, "Hoje, Amanhã e Depois":

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques

2016 by RockInTheHead