• by Brunelson

Nação Zumbi: uma passagem sobre o álbum homônimo de 2002


Em 2002, a banda NAÇÃO ZUMBI lançava o seu homônimo 5º álbum de estúdio - e o 3º sem o seu falecido vocalista, Chico Science.


Este disco é um dos melhores de sua discografia, ficando ombro a ombro com os 02 primeiros álbuns do grupo - quando Chico Science ainda era vivo.


O disco soa forte e pesado, mas sempre com aquelas canções para dar uma merecida relaxada. Abrindo o álbum com o single "Blunt of Judah" (lançado junto com o seu vídeo clipe e uma das melhores músicas da banda até hoje), a turma dos caranguejos com cérebro mostram com seriedade o que está por vir no disco, apresentando um refrão marcante que lhe fisga com um verdadeiro gancho.


Em seguida, a introspectiva e reflexiva parte lírica da 2ª canção, "Mormaço", abre a sua mente com sinapses nunca antes reconhecidas. Ela cede caminho para as músicas "Propaganda" (com o belo refrão: "Corro e lanço um vírus no ar / Sua propaganda não vai me enganar") e " Amnesia Express" (cantada em inglês, num ritmo bem "bandido" mesmo).


A 5ª canção é o 2º single do disco, a pesada "Meu Maracatu Pesa Uma Tonelada". Uma das músicas mais pesadas (e melhores) da banda até hoje, sendo que vendo a banda a tocando ao vivo, nos dá a sensação de sentir um trator passando por cima de alguma coisa...


Até aqui o nível não decai, quando chega a totalmente funkeada canção, "Faz Tempo" - uma prévia do que o grupo iria enfatizar no seu próximo disco. Destaque fica para as letras, onde o vocalista Jorge Du Peixe canta: "Faz tempo / Que eu esqueço das horas / Porque as horas vão matando o que eu penso".


"Prato de Flores" (daqui em diante, o nível se mantêm alto até o seu final) também se enquadra nas melhores músicas do grupo feitas até hoje e faz brilhar esse disco que vai se confirmando como uma verdadeira obra de arte. É aquele momento de relax...


A outra música gringa desse álbum, "Know Now", também faz presente com a sua sonoridade moderna, onde na sequência vem a canção cantada pelo percussionista da banda, Toca Ogan, chamada "Ogan Di Belê".


A 10ª canção, "Caldo de Cana", abre a trinca final do disco com a participação de Dona Cila nos vocais. "O Fogo Anda Comigo" traz um pouco de sensação psicodélica com vocais misturados em português e inglês, para depois iniciar outra das músicas pesadas que esse álbum nos apresenta, a canção "Tempo Amarelo".


NAÇÃO ZUMBI está em atividade até hoje com 08 discos lançados, com turnê pela Europa e Brasil sempre que lançam um novo álbum.


Ao lado de Chico Science, eles criaram um ritmo novo e único chamado manguebeat, que foi também um movimento contracultural surgido a partir de 1991 em Recife/PE, misturando ritmos regionais como o maracatu, ciranda e forró, de mãos dadas com o rock, hip hop, funk americano e outras peculiaridades.


Track-list:


1. Blunt of Judah

2. Mormaço

3. Propaganda

4. Amnesia Express

5. Meu Maracatu Pesa Uma Tonelada

6. Faz Tempo

7. Prato de Flores

8. Know Now

9. Ogan Di Bele

10. Caldo de Cana

11. O Fogo Anda Comigo

12. Tempo Amarelo


Confira o vídeo clipe da canção "Blunt of Judah":

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques

2016 by RockInTheHead