• Estácio S. Filho

Pearl Jam: baixista fala sobre Chris Cornell


Jeff Ament, baixista do PEARL JAM e do TEMPLE OF THE DOG, falou sobre a morte de Chris Cornell em uma nova entrevista para o podcast da NBA.com. Segue alguns trechos:


"É o que eu digo há anos e anos, com JIMI HENDRIX incluído, que Chris era o maior compositor aqui de Seattle. Jimi poderia tocar guitarra como um louco, mas Chris tinha um jeito de compor que todos esperávamos alcançar em diferentes pontos das nossas carreiras”.


“Ele tinha uma maneira onde envolvia uma melodia em torno de tempos e partes estranhas, e conseguia torná-las atraentes. Ele era um lindo mestre de palavras. Se você olhar as suas letras, ele obviamente estava processando a sua dor e depressão, e todas essas coisas... Uma grande porção de pessoas, incluindo eu, se identificaram com o que ele estava cantando”.


“Além da composição, Chris tinha aquela voz... Você sabe que não existem muitas pessoas que possuem uma diversidade na sua voz. Ele poderia fazer muitas coisas diferentes e ter muitos personagens com o seu vocal. Sinto-me tão afortunado em ter participado numa banda com ele (TEMPLE OF THE DOG), de termos curtido algumas noites e de apenas testemunhar a sua grandeza".


Ele disse mais tarde sobre a morte de Cornell: "Foi brutal, cara..."

  • Facebook Social Icon
Mais Recentes
Destaques

2016 by RockInTheHead